Rondônia, - 14:15

 

Você está no caderno - Porto Velho
Porto Velho
Controladoria participa de curso de responsabilização administrativa
O curso trata da responsabilização de pessoas jurídicas pela prática de atos contra a administração pública, nacional ou estrangeira
Publicado Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, às 09:55 | Fonte Tudo Rondonia 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Divulgação/ Internet

O controlador geral do município de Porto Velho, Boris Alexander Gonçalves de Souza e servidores da Controladoria Geral do Município, participaram nos dias 15 e 16 de janeiro, no Palácio Rio Madeira, do curso de processo administrativo de responsabilização, referente a lei 12.846/2013, que dispõe sobre a responsabilização objetiva administrativa e civil de pessoas jurídicas pela prática de atos contra a administração pública, nacional ou estrangeira.

O curso foi coordenado pela Controladoria Geral do Estado de Rondônia e ministrado pelo auditor da Controladoria Geral da União, Marcos Mendonça, tendo como objetivo demonstrar todas as fases do PAR, no âmbito dos núcleos de ações disciplinares das unidades administrativas, contando ainda com a troca de experiências e boas práticas.

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Porto Velho


Justiça Eleitoral julga improcedente ação de cassação contra o prefeito de Candeias
Justiça julga improcedente ação de cassação do prefeito de Candeias do Jamari ...


Prefeitura apoia programação que celebra os 40 anos da Banda do Vai Quem Quer
Desfile do bloco carnavalesco é um grande evento gerador de fluxo turístico, atraindo pessoas do interior do Estado e do Brasil ...


Sedam inaugura base administrativa na reserva extrativista Rio Cautário
O governo de Rondônia, por meio Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam), inaugurou, no último dia 10,.....


Mulher sem mãos e pernas diz que teve benefício negado pelo INSS por não poder assinar papel
Ex-sinaleira afirma que fez três pedidos no INSS em Porto Velho desde dezembro de 2018, mas que todos foram negados. Instituto nega ter rejeitado benefício por falta de assinatura...

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE