Rondônia, - 11:20

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Macron quer NATO mais ativa contra o terrorismo
Depois das observações controversas sobre a NATO, o Presidente francês, Emmanuel Macron, ao lado do secretário-geral da aliança militar,..
Publicado Sexta-Feira, 29 de Novembro de 2019, às 11:02 | Fonte Euro News 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Divulgação/ Internet

Depois das observações controversas sobre a NATO, o Presidente francês, Emmanuel Macron, ao lado do secretário-geral da aliança militar, Jens Stoltenberg, assumiu o que tinha dito sobre o estado de "morte cerebral" da NATO e pediu à organização que se concentre em questões estratégicas, em particular na luta contra o terrorismo.

"Uma verdadeira aliança é sobre ações, decisões, não palavras. Portanto, espero que tenhamos uma verdadeira discussão entre aliados sobre o nosso compromisso concreto com a luta contra o terrorismo no Sahel e no Médio Oriente, onde a intervenção militar liderada pela Turquia há algumas semanas levantou questões que também devem ser encaradas frontalmente," afirmou o Presidente francês, Emmanuel Macron.


Macron considera que as duas últimas cimeiras da NATO, foram "dedicadas apenas a como reduzir o custo financeiro" e não foram "resolvidas" questões estratégicas sobre "paz na Europa, o relacionamento com a Rússia, o tema da Turquia" ou "quem é o inimigo?" da NATO.

Stoltenberg respondeu que, em tempos de incerteza, instituições multilaterais fortes, como a NATO, foram essenciais.

"A união europeia não pode defender a Europa, a unidade europeia não pode substituir a unidade transatlântica. Uma NATO forte e uma União Europeia forte são dois lados de uma mesma moeda, ambas são indispensáveis para a liberdade e prosperidade contínuas da Europa," declarou o secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg.

Os dois homens afirmaram a vontade de "garantir o sucesso" da cimeira dos líderes dos 29 países membros da Aliança Atlântica, na terça e quarta-feira, em Londres.

SPONSORED CONTENT
Angola, país de empreendedoras
Em Angola, mais de 40% das mulheres são empreendedoras. O Business Angola foi conhecer histórias de empreendedorismo no feminino que está a ditar o desenvolvimento do país.
in partnership with Infotur
 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em INTERNACIONAL


Migrações. Berlim quer acolher 350 a 500 menores dos campos na Grécia
A Comissão Europeia lançou uma iniciativa no início de março para que 1.600 crianças...


Eduardo Cabrita sobre morte de ucraniano no aeroporto. ''Não é este o Portugal que conhecemos e de que nos orgulhamos''
Eduardo Cabrita está esta quarta-feira a ser ouvido no Parlamento sobre a morte de Ihor Homeniuk, às mãos de inspetores do SEF, no aeroporto de Lisboa...


Reino Unido. O combate dos médicos ao coronavírus: ''Temos de usar sacos do lixo na cabeça''
Com falta de equipamentos de proteção, profissionais de saúde, camas, ventiladores e até antibióticos básicos...


Preço das habitações aumenta em Portugal o dobro da zona euro e da UE
Face ao trimestre anterior, entre outubro e dezembro, o preço das habitações avançou 0,7% na zona euro e 0,8% na UE,...

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE