Rondônia, - 08:27

 

Você está no caderno - Ariquemes Online
Cavalgada da 36º EXPOARI
Termo de conduta para a Cavalgada da 36º EXPOARI é assinado
Multas podem chegar a 5 mil reais em caso de descumprimento das normas de participação.
Publicado Quarta-Feira, 10 de Julho de 2019, às 09:37 | Fonte Assessoria 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Divulgação / Internet

Tradição na abertura da Exposição Agroindustrial de Ariquemes (EXPOARI), a cavalgada, que há dois anos ocorre uma semana antes do início da feira, atrai milhares de pessoas entre participantes e espectadores que acompanham ou percorrem as avenidas centrais do município anunciando a festa e desfilando a rainha e princesas. 

Preocupados em garantir a segurança dos participantes deste movimento cultural de Ariquemes o Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), através do Conselho Municipal de Segurança, Polícias Militar e Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Secretarias Municipais de Segurança e Trânsito (SEMUST) e Meio Ambiente (SEMA) se reuniram na sede da Prefeitura, na última quinta-feira (27), com representantes da Associação dos Pecuaristas de Ariquemes (APA) e proprietários de camarotes que realizarão eventos no dia da Cavalgada. O objetivo era firmar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que deve ser observado durante o trajeto para garantir a segurança dos participantes.  “Nós utilizamos um modelo que estava sendo utilizado pelo Ministério Público nos anos anteriores, fizemos algumas alterações e firmamos este compromisso”, explicou Ricardo Rodrigues, Secretário Municipal de Segurança e Trânsito. 

O TAC prevê multas que podem variar de mil a cinco mil reais para a APA e para os organizadores dos camarotes em caso de maus-tratos aos animais, descarte irregular de lixo e infrações de trânsito. Também fica expressamente proibida a participação de blocos carnavalescos. O termo ainda requer que todos os veículos que percorrerão o trajeto estejam devidamente vistoriados e que a associação realize campanha publicitária educativa nos meios de comunicação para orientar a população, além de dispor cópias do termo aos participantes da cavalgada. “Foram estabelecidas algumas obrigações para esses parceiros privados e organizadores da festa e em caso de descumprimento dos termos as sanções serão aplicadas”, disse Ricardo Rodrigues.

Este ano a EXPOARI ocorre do dia 20 a 28 de julho e a cavalgada está prevista para o sábado anterior, dia 13.  A fiscalização das condutas será realizada pelos órgãos integrantes do GGIM e pela APA. 

Por Assessoria
 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Ariquemes Online


Sábado de incêndios na Capital
Loja do grupo na Avenida Nações Unidas é consumida pelas labaredas....


Crianças participam de atividades no Parque Botânico
Com o tema sobre o Meio Ambiente, o Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas) e Centro de Referência da Assistência Social (Cras) realizam esta semana atividades a respeito do assunto abordado para as crianças do centro de co...


Programas socioambientais desenvolvidos pela Águas de Ariquemes beneficia mais de 9 mil pessoas em 2018
A Águas de Ariquemes através dos programas sociais tem levado a estudantes, professores, líderes comunitários, agentes de saúde e endemias, educação ambiental, treinamentos.......


Chamada Pública - Produtor Rural
A Secretaria Municipal de Educação (SEMED), realiza no dia 12 de julho, mais uma ''Chamada Pública do Produtor Rural''....

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE