Rondônia, - 21:52

 

Você está no caderno - Porto Velho
chama da democracia não se apague
Imprensa é essencial para que ''chama da democracia não se apague'', diz Bolsonaro
Na curta fala, de menos de seis minutos, em evento do Dia do Exército, o presidente relembrou a formação dele no Exército nos anos 1970, período que classificou como ''momento conturbado de nossa nação''
Publicado Quinta-Feira, 18 de Abril de 2019, às 15:33 | Fonte Correio Braziliense 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Miguel Schincariol/AFP

Bolsonaro na solenidade em comemoração dos 371 anos do Exército Brasileiro, no Quartel-General do Ibirapuera, em São Paulo

Na curta fala, de menos de seis minutos, em evento do Dia do Exército, o presidente relembrou a formação dele no Exército nos anos 1970, período que classificou como 'momento conturbado de nossa nação'


O presidente Jair Bolsonaro disse, na manhã desta quinta-feira (18/4), na cerimônia de comemoração do Dia do Exército, em São Paulo, que a imprensa é essencial para a democracia - e sinalizou que quer uma relação mais amistosa com jornalistas.


"Em que pese alguns percalços entre nós, precisamos de vocês (profissionais da imprensa) para que a chama da democracia não se apague", afirmou Bolsonaro em São Paulo, no Comando Militar do Sudeste. O presidente disse ainda que espera que "pequenas diferenças fiquem para trás".

 

Na curta fala, de menos de seis minutos, o presidente relembrou a formação dele no Exército nos anos 1970, período que classificou como "momento conturbado de nossa nação". Ele voltou a dizer também que o Exército "sempre esteve ao lado da vontade popular".

 

Bolsonaro agradeceu ainda o empenho do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), agraciado com medalha no evento, para a construção do colégio militar na cidade.

 

Bolsonaro ainda destacou a necessidade de união para o desenvolvimento do país. “Tenho certeza que, sozinho, não chegarei a lugar algum. Precisamos de todos vocês, civis e militares, ao lado do Brasil, para colocá-lo realmente no lugar que ele merece”.

 

Colégio militar


O presidente elogiou o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, presente na cerimônia, pela “construção do maior colégio militar do Brasil, no Campo de Marte”. “Nós faremos todo o possível para que, em cada capital de estado, onde, porventura, não exista colégio militar, nós construiremos lá também”, acrescentou.

 

Bolsonaro também elogiou “as escolas militarizadas no estado do Amazonas e Goiás que estão dando um exemplo enorme de como se faz educação de verdade sem desmerecer as demais boas escolas particulares e públicas que temos no Brasil”.

 

O Dia do Exército é celebrado em 19 de abril em alusão à Batalha dos Guararapes, quando brancos, negros e índios defenderam a pátria contra invasores holandeses em Pernambuco, no ano de 1648.  





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Porto Velho


Deputado reage com indignação pelo uso indevido de seu nome feito por funcionários do TJ/RO
O deputado estadual Ismael Crispim-PSB – reagiu com indignação na tarde desta sexta-feira, 29, sobre o uso indevido de seu nome......


MPRO participa de encontro que discute atuação de Ouvidorias durante pandemia
A atuação das Ouvidorias dos Ministérios Públicos durante a pandemia do coronavírus foi discutida ...


Bando é preso com mais de 30 quilos de maconha na capital
Na noite de terça-feira (26),  Romário S., 30, Francisco R.,36, Daniel L., 24, Delei M.,35, e Cleverson F., 27...


Jhony Paixão cobra contratação de profissionais que aguardam a convocação da SESAU
Jhony solicitou urgência nos processos de contratação durante o período da pandemia...

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE