Rondônia, - 05:00

 

Você está no caderno - Mato Grosso do Sul
MATO GROSSO DO SUL
Vereadores de Campo Grande aumentam o próprio salário para R$ 19 mil em apenas cinco minutos
O reajuste dos vereadores aprovado por eles mesmos pode ter “efeito cascasta” atingindo os salários do prefeito que pode chegar a R$ 35 mil e ainda do vice e secretários...
Publicado Quinta-Feira, 6 de Dezembro de 2018, às 20:34 | Fonte Tereré News - Portal de Notícias do Mato Grosso do Sul 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=357906&codDep=72" data-text="Vereadores de Campo Grande aumentam o próprio salário para R$ 19 mil em apenas cinco minutos
  
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Tereré News

O reajuste dos vereadores aprovado por eles mesmos pode ter “efeito cascasta” atingindo os salários do prefeito que pode chegar a R$ 35 mil e ainda do vice e secretários, como aconteceu recentemente com o aumento dos  vencimentos dos ministros do STF.

 

 

Na sessão ordinária desta quinta-feira (6) os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande aprovaram em regime de urgência o aumento dos próprios salários fixando em 75% da remuneração dos deputados estaduais. Com a medida os vencimentos passam dos atuais R$ 15 para R$ 19 mil,  um aumento de R$ 4 mil reais a mais todos os meses no contracheque dos parlamentares.

 

 

Votação em apenas cinco minutos

 

 

O aumento passa a valer para os novos vereadores da legislatura 2021/2024 e foi aprovado em apenas cinco minutos por 22 votos favoráveis e 2 contrários de André Salineiro (PSDB) e Vinicius Siqueira (DEM).

 

 

Os vereadores, João César Mattogrosso (PSDB), Junior Longo (PSB), Veterinário Francisco (PSB) e Lucas de Lima (SD) estavam ausente da votação.

 

 

Se passar pela segunda votação, o projeto vai para sanção do prefeito, a data de votação deve ser em breve.

 

 

Encarregados de elaborar leis, revisar e melhorar as que já existem e ainda fiscalizar o trabalho do prefeito, os vereadores  não cumpre uma carga horária pré-determinada nem bate ponto, como boa parte dos trabalhadores é tanto que muitos são profissionais liberais e conseguem conciliar as atividades com o trabalho parlamentar. Em Campo Grande as sessões plenárias ocorrem em apenas três dias da semana, na terça, quarta e quinta-feira.





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Mato Grosso do Sul


Demissões, treinamentos insuficientes e pressão por resultados aumentam número de mortes na Energisa-MS, diz sindicato
No último dia 3 de dezembro, os eletricitários perderam mais um colega. Ronaldo Fiori Figueiredo, de 32 anos, morreu após receber uma descarga elétrica durante a execução do trabalho na região de Sete Quedas....


Polícia Federal de Mato Grosso do Sul dá um duro golpe no crime organizado na fronteira com o Paraguai - confira
No local, foram apreendidos sete armas – seis pistolas Glock 9mm de uso restrito, um revólver calibre 38 – 16 carregadores de pistolas Glock, sendo oito......


Energisa-MS recusa reajustar salário dos trabalhadores e pressiona sindicato com ação policial
na entrada do Centro Operacional da concessionária, em Campo Grande. Neste local, geralmente são realizadas as assembleias do Sinergia-MS com os eletricitários....


Monumento da Maria Fumaça pesando 20 toneladas é inaugurado em Campo Grande-MS
Nem mesmo a chuva que persistia afugentou o público que ainda foi presenteado com as apresentações de Geraldo Espíndola e Almir Sater....

 
 
 

 

Ads Emro Noticias 1



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE