Rondônia, - 01:09

 

Você está no caderno - Artigos
Apostando no boi, na soja, no milho e no peixe…!
Apostando no boi, na soja, no milho e no peixe…!
Os 30 produtos oriundos do campo apresentados no último levantamento oficial do Produto Interno Bruto de Rondônia (PIB) revelam que o..
Publicado Segunda-Feira, 30 de Julho de 2018, às 05:46 | Fonte José Luiz Alves 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

 

Os 30 produtos oriundos do campo apresentados no último levantamento oficial do Produto Interno Bruto de Rondônia (PIB) revelam que o carro-chefe da economia que mantém o Estado com as contas equilibradas continua sendo o boi, a soja, o milho e o peixe. O campo garantiu R$ 7,7 bilhões, sendo a segunda maior a receita da região Norte em termos de agronegócio perdendo apenas para o estado do Pará, que somou R$ 14,4 bilhões.

A agropecuária responde na atualidade por 12,7% da economia do Estado mostrando a vocação que vem do campo, sem meias palavras, ao futuro governante que assumirá as rédeas para comandar Rondônia a partir de janeiro de 2019, com os demais setores apostando no boi, na soja, no milho e no peixe para manter o estado equilibrado, com um crescimento em torno de 3,5% acima da média nacional.

É uma tarefa para o gestor que pensa grande e vê Rondônia como um Estado que descobriu sua vocação para o agronegócio depois de ter passado pelos fracassados ciclos da borracha, do garimpo e de uma reforma agrária que a mais de 30 anos vem capengando e ainda não apresentou resultados satisfatórios. Não precisa ser sociólogo, economista ou formado em coisa nenhuma para saber que o futuro de Rondônia está no campo.

O que se vê no presente são reflexos de ações de governantes que investiram em tecnologia de ponta, na extensão rural com à perspectiva de crescimento nas lavouras e na pecuária. Os resultados estão aí dobrando a produção e proporcionando este saltou fantástico na produção e arrecadação, enquanto outros estados patinam na tentativa de sobreviver e colocar as contas em dia.

Alguém já deve ter afirmado que a vocação de Rondônia é para o “progresso e desenvolvimento”. Como não sou candidato a nada, a não ser de realizar um trabalho isento e equilibrado sou capaz de me atrever afirmando: “que a tecnologia, aliada ao trabalho do homem no campo que acorda de madrugada, não liga para os calos mãos, continuará mantendo de pé a economia deste Estado”.

O Estado tem carisma para obter bons resultados no setor produtivo, sustentou e fortaleceu a cadeia do agronegócio na crise política, econômica e social que sacudiu o País entre 2014 e 2017, mantendo Rondônia afastada do olho do furacão. Só nos resta continuar apostando no boi, na soja, no milho e no peixe, bem como torcer para que o nosso futuro governante acredite que povo de barriga cheia é gente feliz, no campo e nos perímetros urbanos.

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Artigos


Feira do Bras e 25 de Março de Cacoal
FISCALIZAÇÃO A Receita Federal apreendeu no início do final de semana várias mercadorias, consideradas falsificadas. Os produtos.....


Motoristas cada vez mais imprudentes
Surpreende os números da operação Proclamação da República divulgados ontem pela Polícia Rodoviária Federal de Rondônia. Durante 4.....


Esse negócio de querer ganhar no grito já não cola
Esse negócio de querer ganhar no grito já não cola. Estou me referindo a ameaça postada pelo particular amigo (do Silvio Santos), Paulo.....


Técnicos aproveitados no futuro governo
Quem estiver fazendo um bom trabalho no atual governo poderá ser aproveitado no governo do coronel Marcos Rocha (PSL), que assume a partir.....

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE