Rondônia, - 07:08

 

Você está no caderno - Mundo
Protesto
Protestos no Brasil por assassinato brutal comparado com o de George Floyd
Os protestos ocorridos em várias cidades brasileiras esta sexta-feira, Dia da Consciência Negra...
Publicado Sábado, 21 de Novembro de 2020, às 10:08 | Fonte EFE/ Portugal 0

 
 

EFE/António Lacerda

Protestos no Rio de Janeiro (Brasil)

Os protestos ocorridos em várias cidades brasileiras esta sexta-feira, Dia da Consciência Negra, repudiaram a morte de um homem negro que, na noite anterior, foi espancado por dois seguranças brancos num supermercado do grupo Carrefour em Porto Alegre, episódio comparado com o do americano George Floyd.

A morte do soldador João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, gravada em vídeos amplamente partilhados nas redes sociais, gerou uma onda de indignação e comoveu o país.

O vice-presidente brasileiro, Hamilton Mourão, tinha negado antes que a morte de João Alberto fosse um caso de racismo, afirmando que "não existe racismo no Brasil".

Para expressar repúdio, pequenos grupos de manifestantes saíram às ruas em diversas cidades, como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e Porto Alegre. O ato mais chamativo foi o da capital paulista, onde centenas de pessoas se reuniram frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista, e alguns seguiram em direção a um hipermercado do Carrefour.

"A reivindicação da população negra é urgente. A desumanização do povo negro no Brasil é evidente. Temos que sair às ruas para dar visibilidade às nossas lutas", disse à Agência Efe Alexandra Tulani, uma das manifestantes.

"Queremos ter o direito de existir. Não queremos sair às ruas e sofrer violência policial. Ontem um homem negro foi morto num supermercado. Isso tem que acabar, e tem que acabar já", completou.







Veja também em Mundo


Portugal impõe mais restrições para travar aumento ''preocupante'' de casos de covid
O primeiro-ministro de Portugal, António Costa, anunciou este sábado as novas restrições que vão entrar em vigor a partir do próximo 24 de novembro......


Aeroportos espanhóis preparam-se para exigir PCR e realizar testes de antigénio
Os aeroportos espanhóis preparam-se para exigir, a partir desta segunda-feira, um teste PCR negativo realizado nas 72 horas anteriores à chegada ao país a passageiros procedentes de países considerados de risco...


Casos de covid aumentaram em quatro semanas o mesmo que nos primeiros seis meses de pandemia
O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanomm Ghebreyesus, afirmou que foram notificados mais casos de contágio de coronavírus nas últimas quatros semanas do que nos seis meses iniciais da pandemia ...


Governo francês teme receio da população às vacinas
O primeiro-ministro francês, Jean Castex, considera que é preciso ser prudente quanto à perspectiva de vacinas contra o coronavírus...

 




 
Pub
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News