Rondônia, - 12:22

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
40 milhões de pessoas isoladas na China para conter coronavírus
Restrições afetam moradores de 13 cidades da província de Hubei, apontada como epicentro da doença
Publicado Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020, às 10:41 | Fonte Tarciso Morais 0

 
 

Divulgação/ Internet

Em busca de conter a disseminação do coronavírus, a China impôs restrições de transporte, nesta sexta-feira (24), sobre mais de 40 milhões de habitantes.

As medidas de emergência afetam os moradores de 13 cidades da província de Hubei, incluindo sua capital, Wuhan, metrópole com 11 milhões de habitantes apontada como epicentro da doença, informa a agência AFP.

Além das 26 mortes confirmadas, mais de 830 pessoas foram contaminadas até o momento, e há o temor de que o vírus se espalhe rapidamente para outros países da Ásia.

Além da China, oito países já registraram casos do vírus: Taiwan, Tailândia, Japão, Coreia do Sul, Vietnã, Cingapura, Estados Unidos e Arábia Saudita.







Veja também em INTERNACIONAL


Hosni Mubarak, antigo presidente do Egipto, morreu aos 91 anos
Mubarak esteve 30 anos no poder, até cair em 2011, perante a pressão dos manifestantes da Primavera Árabe. Foi condenado a prisão perpétua, mas acabou por ser absolvido em 2017...


Pelo menos 20 mortos em três dias de confrontos em Nova Deli
Na terça-feira aumentaram os confrontos entre multidões hindus e muçulmanos que protestam contra uma nova lei de cidadania na Índia que possibilita a naturalização acelerada para minorias religiosas nascidas no exterior, mas que exclui muçulmanos...


Plácido Domingo pede perdão por prática de assédio sexual que negou durante meses
O pedido de desculpas surge após o sindicato norte-americano dos cantores de ópera ter divulgado os resultados de um inquérito independente iniciado em setembro sobre as acusações de assédio dirigidas a Plácido Domingo...


Catalunha: Governos espanhol e catalão reúnem-se esta quarta-feira para debater futuro da região
O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, e o presidente do executivo regional, o independentista Quim Torra, partem para o encontro com posições muito afastadas sobre o lugar que a Catalunha deve ocupar em Espanha...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News