Rondônia, - 06:48

 

Você está no caderno - Notícias da Amazônia
Notícias da Amazônia
Governo apresenta Plano AgroAmbiental Roraima 2030 durante 25ª Conferência da ONU sobre o Clima
O presidente da Femarh (Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Ionilson Sampaio,..
Publicado Sábado, 14 de Dezembro de 2019, às 11:55 | Fonte Governo do Estado de Roraima 0

 
 

Secom/RR

O plano mostra um estudo sobre o aumento das áreas de produção sem agredir o meio ambiente

O presidente da Femarh (Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Ionilson Sampaio, representou Roraima nesta semana na COP25 (25ª Conferência da ONU sobre o Clima), em Madri, na Espanha. Ele apresentou o Plano AgroAmbiental Roraima 2030, onde consta um estudo sobre o aumento das áreas de produção no Estado sem agredir o meio ambiente.

A conferência começou no dia 02 de dezembro e segue até o próximo dia 13. Nesta edição da COP, a comunidade internacional fez um alerta sobre o aumento de temperatura no mundo. Além do presidente da Femarh, o Governo de Roraima foi representado também pelo titular da Seapa (Secretaria Estadual de Abastecimento, Pecuária e Abastecimento), Emerson Baú.

Sobre o Plano apresentado na COP25, Sampaio disse que o Estado tem um grande potencial para se desenvolver economicamente, porém, enfrenta algumas barreiras. “Precisamos de financiamentos ou doação dos países ricos, para garantir o desenvolvimento sustentável da região. As pessoas que vivem na Amazônia não podem viver condenadas ao subdesenvolvimento”, desabafou.

Ele lembrou que o Amazonas, Mato Grosso e Acre apresentaram grandes avanços nesse sentido. “Esses Estados têm recebido ajuda internacional para desenvolver atividades sustentáveis e de implementação de políticas públicas para reduzir a emissão de GEE [gases de efeito estufa], diminuir o desmatamento e melhorar as tecnologias de produção”, comentou.

Hoje, existe o Consórcio de Governadores da Amazônia Legal, que intermedia as discussões com o Governo Federal e agentes internacionais sobre o modelo de desenvolvimento sustentável para a Amazônia. “O Consórcio defende claramente um sistema de governança fundiária e ambiental entre todos os Estados da Amazônia como uma prioridade para essas políticas que queremos desenvolver”, destacou.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, compareceu ao evento e defendeu a necessidade de se criar regras claras de mensuração e valoração dos nossos ativos ambientais. “Aproveitamos a oportunidade para apresentar ao ministro o Plano AgroAmbiental Roraima 2030, mostrando que o Governo do Estado está consciente de que é necessário e possível aumentar as áreas de produção com a preservação do meio ambiente”, completou.

Recentemente, nove governadores da Amazônia Legal assinaram um documento se comprometendo com a preservação ambiental, sem deixar de olhar para o aspecto social das populações que vivem na Amazônia. “O ministro recebeu uma minuta da carta durante a COP25 e ficou de analisar para uma posição do Governo Federal”, disse.

  COP

 A COP é uma reunião anual, que ocorre desde 1995, com os 197 países que assinam a UNFCCC (Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima).







Veja também em Notícias da Amazônia


CIBE e Corinthians-AP vencem na abertura do Campeonato Amapaense de Basquete Feminino
Resultados deixam as equipes na liderança da competição ...


TJAM atinge todas as metas estipuladas pelo Conselho Nacional de Justiça
Todas as seis metas estipuladas pelo CNJ para os tribunais estaduais foram alcançadas, em mais de 100%, pelo TJAM ...


Polícia conclui inquérito da morte de adolescentes achados em cova no interior do AC e seis são indiciados
Indiciados devem responder por duplo homicídio, organização criminosa, ocultação de cadáver...


Agentes prisionais encontram tabaco, celular e outros objetos em cela de presídio em Ananindeua
Seap informou que os presos da cela onde os itens foram encontrados responderão Procedimento Disciplinar Penitenciário (PDP)...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News