Rondônia, - 06:43

 

Você está no caderno - NACIONAL
Tragédia em Suzano
Tragédia na E.E. Raul Brasil - Adolescentes matam oito e depois cometem suicídio
Atiradores matam alunos e funcionários em escola de Suzano
Publicado Quarta-Feira, 13 de Março de 2019, às 11:46 | Fonte Maiara Barbosa - G1 0

 
 

Maiara Barbosa/G1

Estudantes se abraçam após ataque a escola de Suzano

Dois adolescentes encapuzados mataram oito pessoas na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), e cometeram suicídio em seguida. Quatro dos mortos no local são alunos do ensino médio. Outros dois adolescentes foram socorridos, mas morreram no hospital. Duas das vítimas são funcionárias da escola. O ataque ocorreu por volta das 9h30 desta quarta-feira (13).

 

 

Um vídeo, feito por câmera de segurança, mostra o momento em que os atiradores chegam à escola. Eles estavam em um carro branco, estacionam no portão, descem calmamente e entram pela porta da frente, que estava aberta.

 

Minutos depois, a mesma câmera mostra muitos alunos fugindo da escola.


O coronel Salles, comandante-geral da PM, disse à imprensa que, antes de entrar na escola, os atiradores balearam um homem em comércio próximo à escola. Ele passa por cirurgia e está em estado gravíssimo.

 

Mais cedo, a capitão Cibele, da comunicação da PM, um carro da polícia estava a caminho desse comércio, quando passou perto da escola e ouviu gritos dos alunos. "Policiais estavam indo para esse primeiro chamado e ouviram gritos das crianças. Foram então até a escola, onde os dois criminosos acabaram se matando", disse ela.

 


Arsenal
Dentro da escola, a polícia encontrou uma besta (um tipo de arco e flecha que dispara na horizontal), um arco e flecha tradicional e garrafas que aparentam ser coquetéis molotov. Há ainda uma mala com fios. O esquadrão antibombas foi chamado, e a polícia ainda não informou se continha havia material explosivo.


O coronel Salles, comandante-geral da PM, disse à imprensa que, antes de entrar na escola, os atiradores balearam um homem em comércio próximo à escola. Ele passa por cirurgia e está em estado gravíssimo.

 

Mais cedo, a capitão Cibele, da comunicação da PM, um carro da polícia estava a caminho desse comércio, quando passou perto da escola e ouviu gritos dos alunos. "Policiais estavam indo para esse primeiro chamado e ouviram gritos das crianças. Foram então até a escola, onde os dois criminosos acabaram se matando", disse ela.

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em NACIONAL


Bolsonaro participa de reunião do Conselho de Governo
O presidente Jair Bolsonaro participa hoje (16), no Palácio da Alvorada, em Brasília, da 16ª Reunião do Conselho de Governo...


Pai expõe filha ao dizer que ela é 'vergonha' por apoiar partidos de esquerda
Nas redes sociais têm repercutido uma postagem que mostra a intolerância do pai com as escolhas políticas da filha...


Morre Hélio Amoni, condômino dos Diários Associados, aos 89 anos
Morreu nesta segunda (15), aos 89 anos, o condômino dos Diários Associados Hélio Amoni (1930-2019)...


Câmara retoma votação de destaques da reforma da Previdência
No quarto dia de apreciação da proposta de emenda à Constituição (PEC 6/19) da reforma da Previdência em plenário, os deputados retomam hoje......

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News