Rondônia, - 14:59

 

Você está no caderno - Economia
exportações do agronegócio
Grupo parlamentar articula acordo para liberação comercial com Japão
Em reunião com o vice-primeiro-ministro e ministro da Economia, Taro Aso, parlamentares deram início às tratativas para retomar acordos comerciais
Publicado Terça-Feira, 12 de Março de 2019, às 16:00 | Fonte Assessoria de Comunicação 0

 
 

A proposta está sendo discutida por grupo de parlamentares, liderados pelo deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP) e o senador Marcos Rogério (DEM-RO), em visita oficial ao Japão.

 

Em reunião com o vice-primeiro-ministro e ministro da Economia, Taro Aso, parlamentares deram início às tratativas para retomar acordos comerciais para a importação de carne bovina brasileira.  Esse acordo de parceria econômica, na avaliação do governo brasileiro, será um estímulo não só para o comércio entre os dois países, como também para os investimentos japoneses diretos no Brasil.

 

“Contamos com o apoio do Governo japonês para superar barreiras ao acesso das exportações do agronegócio brasileiro ao mercado japonês. A nossa proposta foi bem recebida e estamos otimistas", adiantou o senador Marcos Rogério.

 

O embaixador Eduardo Sabóia e o diplomata Orlando Leite Ribeiro, secretário executivo do MAPA,  também participaram de uma das reuniões e se mostraram confiantes com as negociações.

 

De acordo com o senador, paralelamente às tratativas parlamentares, o governo brasileiro trabalha na apresentação de dados técnicos, especialmente, informações sanitárias sobre o rebanho brasileiro, principal preocupação das autoridades locais.

 

Durante a reunião, Marcos Rogério defendeu ainda negociações para um acordo do Japão com o MERCOSUL. “Nossa intenção também é iniciar as negociações para um acordo entre MERCOSUL e Japão. Eu propus e a proposta foi bem recebida. O Japão negocia melhor em bloco. E como o Brasil é líder do bloco, esse acordo de livre comércio é estratégico para nós”, concluiu o democrata.

 

Além de Marcos Rogério e Kim Kataguiri, também participam da missão oficial os deputados federais Marcel Van Hattem, Luisa Canziani e Filipe Barros. Compõem ainda a comitiva Martin César Kalkmann (PP),  prefeito de Ivoti/RS, Marcelo Pereira, Superintendente-Adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Regional (SAP) da SUFRAMA, Leonardo Riodades Daher Santos, presidente do Conselho de Jovens Empresários da Associação Comercial do Pará, Alexandre Marcel Kuster Guimarães, Secretário-adjunto da Casa Civil do Estado do Paraná e Thales Castro, cônsul da República de Malta em Recife, presidente da Sociedade Consular de Pernambuco e Professor da Universidade Católica de Pernambuco.

 

Encontro com embaixador

 

Nessa quarta-feira (11/02), a delegação brasileira #JuntosJapão!! foi recepcionada pelo Embaixador e Diretor-Geral dos Assuntos da América Latina e Caribe do Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão (MOFA), Sr. Takahiro Nakamae, num jantar com o Embaixador do Brasil no Japão Eduardo Sabóia, para tratar das relações entre os dois países e dar as boas-vindas aos jovens políticos e intelectuais brasileiros que compõem a comitiva de intercâmbio.

 

Durante o jantar, Nakamae explicou da confiança que o Japão precisa retomar nas relações com o Brasil, entre elas a segurança jurídica para as relações comerciais e de investimento, citando o México como um exemplo de superação nesse relacionamento recente.

 

Marcos Rogério citou o tratamento diferenciado que a ZFM tem, assim como no México, para a atração de investimentos e a necessidade de o Brasil tê-la como a Zona Franca do Brasil!, não permitindo que se perca investimentos para outras nações diante das vantagens competitivas e comparativas da ZFM, que é composta por cinco estados da Federação, que representam mais de 30% do território nacional. "Nesse aspecto, as parcerias com o Japão podem se dar na área comercial, industrial, serviços tecnológicos e no agronegócio. A ZFM é responsável por faturar para o mercado interno mais de R$ 93 bilhões por ano", explicou o democrata.  

 

Custo da viagem oficial

 

As despesas da viagem foram integralmente pagas pelo governo japonês.







Veja também em Economia


Bolsonaro sanciona sem vetos Orçamento 2020, diz ministro
Entre outros pontos, Orçamento prevê R$ 2 bilhões para o fundo eleitoral em 2020...


Receita Federal prejudica empresários que não conseguem tirar certidão online
Problema persiste há mais de uma semana...


Novo mínimo: Quase 50 milhões de pessoas passam a receber R$ 1.039 em 2020
O governo federal definiu nesta terça-feira (31) que o salário mínimo será de R$ 1.039 em 2020, conforme estabelecido em medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro....


Exportação de carne de frango brasileira avança 2,8% em 2019
Em 2019 foi registrado o embarque de 4,212 milhões toneladas de aves, totalizando US$ 6,994 bilhões em receitas, segundo associação do setor ...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News