Rondônia, - 09:28

 

Você está no caderno - Notícias da Justiça e do Direito
Aluno é condenado a 10 meses de detenção
Pimenta Bueno: aluno é condenado a 10 meses de detenção por xingamentos à professora
O juízo da causa substituiu a pena de detenção por prestação pecuniária (dinheiro) no valor de um salário mínimo ou, alternativamente, pagar a punição com a prestação de serviços...
Publicado Quarta-Feira, 20 de Fevereiro de 2019, às 06:50 | Fonte da Redação 0

 
 

Diante de uma denúncia ministerial, um estudante foi condenado, pelo juiz de direito do Juizado Especial Criminal da Comarca de Pimenta Bueno, a 10 meses de detenção por desacato a uma servidora pública (professora). O estudante dirigiu palavras depreciativas à docente, isto é, de baixo calão, ao reclamar sobre o seu descontentamento em relação a sua nota avaliativa.

 

O juízo da causa substituiu a pena de detenção por prestação pecuniária (dinheiro) no valor de um salário mínimo ou, alternativamente, pagar a punição com a prestação de serviços comunitários.

 

Para o juiz sentenciante, a atitude ofensiva do estudante sobre a professora, quebrando regras da instituição de ensino, não pode ser considerada normais, “já que, infelizmente, neste país, a inversão de valores é cada vez mais acentuada em todas as áreas, de modo que tem sido cada vez mais comum o desrespeito diário a educadores”.

 

Segundo a sentença judicial, “o artigo 59, do CP (Código Penal), determina que a pena deve ser a necessária e suficiente para a reprovação e a prevenção contra o crime”, como foi feita no caso.

 

Sentenciou o processo n. 2000130-13.2018.8.22.0009, dia 12 deste mês, o juiz Wilson Soares Gama.

Assessoria de Comunicação Institucional







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Notícias da Justiça e do Direito


Expansão do Projeto Apadrinhando uma História chega às comarcas do Cone Sul de RO
A segunda fase de expansão do Projeto Apadrinhando uma História está em andamento desde segunda (6)....


Energisa é condenada em quase R$ 100 mil por danos morais e materiais
A Energisa, por sua vez alegou que não possuía responsabilidade pelo acidente, uma vez que a manutenção do fio cabia ao dono da propriedade particular....


Varas de Família promovem Oficina de Pais e Filhos, em Porto Velho
O Núcleo Psicossocial das Varas de Família da Comarca de Porto Velho promoveu na última sexta-feira, 10, no Fórum Sandra Nascimento, em Porto Velho, a Oficina Pais e Filhos, voltada aos envolvidos em processos em tramitação nas referidas varas....


Auditores do TJRO participam do V Fórum de Boas Práticas de Auditoria e Controle Interno
Servidores de Tribunais de todo o Brasil estão reunidos desde a última terça-feira, 22, em Belo Horizonte, na sede do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG), para a realização do V Fórum de Boas Práticas de Auditoria e Controle Intern...

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News