Rondônia, - 02:51

 

Você está no caderno - Esportes
Esportes
Autor de gol de título por Cruzeiro e Corinthians, Elivelton diz quem é o favorito para a decisão
Ex-atacante conversou com a reportagem do FOXSports.com.br e relembrou os títulos conquistados pelos dois clubes no final do último século
Publicado Terça-Feira, 9 de Outubro de 2018, às 14:53 | Fonte Fox Sports 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=355529&codDep=32" data-text="Autor de gol de título por Cruzeiro e Corinthians, Elivelton diz quem é o favorito para a decisão

  
 
 

Crédito da foto: Divulgação/Cruzeiro

 

*Por Daniel Bocatto

Chegou a hora da decisão. Nesta semana, Cruzeiro e Corinthians dão o pontapé inicial para a primeira partida da final da Copa do Brasil. A partida acontece nesta quarta-feira, às 21h50, com transmissão ao vivo dos canais FOX Sports. Nome emblemático na história das duas equipes e autor de gol de título pela Raposa e pelo Timão, Elivelton conversou com exclusividade com o FOXSports.com.br. O ex-atacante explicou a diferença entre os dois clubes, principalmente nos anos 1990, quando esteve nos dois clubes.

“Existe uma grande diferença entre Cruzeiro e Corinthians. O Corinthians é um clube mais do povão. Depende demais da torcida, eles que fazem as coisas acontecerem. O Cruzeiro é diferente. É mais estruturado, é mais centrado nos objetivos, planejamento é excelente, até por isso superou o Atlético-MG há muito tempo. Tudo com base na organização e coerência em todos os setores. O Cruzeiro está bem à frente do Corinthians. Ele planeja para conquistar títulos”, disse o ex-atacante.

Elivelton anotou o gol do título paulista do Corinthians, em 1995, diante do arquirrival Palmeiras. Por outro lado, dois anos depois, o pé quente também fez o gol que deu o título da Libertadores ao Cruzeiro, no Mineirão, diante do Allianza Lima. O ex-atacante aproveitou para comparar os dois elencos e falar sobre as duas conquistas.

“Os dois times eram semelhantes. O Campeonato Paulista tinha um peso menor do que a Libertadores, mas o Cruzeiro de 1997 era parecido com o Corinthians de 1995. Não tinha muitas estrelas, mas era um time copeiro, brigador, que sabia o que queria. O Palmeiras mandava no futebol nessa época, era o grande rival do Corinthians e foi aquela pressão toda. Mas o nosso time sabia que tinha que ser muito compacto e copeiro. Foi dessa forma que a gente conseguiu o título. A Libertadores foi basicamente desta forma no Cruzeiro. Estávamos desacreditados, perdemos os três primeiros jogos, foi um desespero, mas arrumamos a casa, decidimos fazer o simples e deu certo”, finalizou Elivelton.

 

Crédito da foto: Divulgação/Cruzeiro

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Esportes


Após vencer prêmio da FIFA pela sexta vez, Marta concorre a Bola de Ouro inédita
Craque do Orlando Pride integra a lista de 15 finalistas à Bola de Ouro da revista France Football, que pela primeira vez concederá premiação especial para mulheres ...


Cortado da Seleção, Marcelo retorna aos treinos no Real Madrid
...


Bayern precisa reagir para recuperar liderança e hegemonia
...


Palmeiras vence Colo-Colo e chega à primeira semi de Libertadores desde 2001
...

 

ADS NEWS 2

ADS NEWS 3


:: Publicidade :::



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News