Rondônia, - 21:07

 

Você está no caderno - Tecnologia e Vida Digital
Tecnologia
Netflix cogitou comprar rede de cinema para exibir seus filmes
Publicado Sexta-Feira, 20 de Abril de 2018, às 06:01 | Fonte Olhar Digital 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=347121&codDep=41" data-text="Netflix cogitou comprar rede de cinema para exibir seus filmes

  
 
 

(Foto: Reprodução)

 

A Netflix já produz filmes próprios há algum tempo, tendo lançado todos eles em sua plataforma. No entanto, a empresa também quer exibi-los nos cinemas, mas tem enfrentado um boicote forte pelo seu modelo de negócios, que determina que o conteúdo deve estar disponível para streaming ao mesmo tempo em que está em exibição nas salas. A solução estaria, portanto, em criar suas próprias salas de cinema.

Dois sites distintos mencionam o interesse da Netflix em trabalhar com salas de cinema próprias. O Los Angeles Times aponta que a empresa negociou a aquisição da Landmark Theatres, uma rede de cinema dos EUA que pertence ao bilionário Mark Cuban, mas desistiu do negócio por causa do preço. Já a Variety conta que o interesse não é especificamente na Landmark Theatres, mas que, sim, a Netflix já considera ter suas próprias salas de exibição.

O possível negócio mostra a preocupação da Netflix com a reputação de sua produção. Ainda que a empresa alcance um público de 125 milhões de assinantes, a ausência do conteúdo nas salas de cinema faz com que suas produções não possam participar de premiações; o Festival de Cannes, por exemplo, decidiu não levar em conta os filmes da Netflix justamente porque eles não são mostrados em cinemas.

Ter suas próprias salas de exibição facilitaria aos filmes produzidos pela empresa a participação em festivais e premiações, como o Oscar. Isso porque seria possível driblar as restrições que hoje as empresas de cinema impõem, com a determinação de um período exclusivo em que o conteúdo não pode estar disponível para streaming, que é algo do qual a empresa não abre mão. Alguns dos filmes da Netflix como “Beasts of No Nation” chegaram a ser exibidos em salas de cinema, mas eles foram uma exceção.

Dois sites distintos mencionam o interesse da Netflix em trabalhar com salas de cinema próprias. O Los Angeles Times aponta que a empresa negociou a aquisição da Landmark Theatres, uma rede de cinema dos EUA que pertence ao bilionário Mark Cuban, mas desistiu do negócio por causa do preço. Já a Variety conta que o interesse não é especificamente na Landmark Theathers, mas que, sim, a Netflix já considera ter suas próprias salas de exibição.

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Tecnologia e Vida Digital


Tinder adiciona Bitmoji às conversas
...


Como deletar seu histórico de localização do Google Maps
...


Novo telefone de flip da Samsung deve ter câmera dupla, revela vazamento
...


Instagram testa recurso que permite excluir seguidores
...

 

ADS NEWS 2

ADS NEWS 3


:: Publicidade :::


 
 
 
 
EMRONDONIA.COM