Rondônia, - 20:20

 

Você está no caderno - Rondônia
”Quem é essa porcaria chamada Greenpeace?
”Quem é essa porcaria chamada Greenpeace? Isso é um lixo”, diz Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro atacou, na manhã desta quinta-feira (13/2), na saída do Palácio da Alvorada, a ONG ambientalista Greenpeace.
Publicado Sexta-Feira, 14 de Fevereiro de 2020, às 09:35 | Fonte Correio Braziliense 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

(foto: José Cruz/Agência Brasil )

 

O presidente Jair Bolsonaro atacou, na manhã desta quinta-feira (13/2), na saída do Palácio da Alvorada, a ONG ambientalista Greenpeace. Ao ser questionado pela imprensa a respeito de uma nota emitida pela organização, Bolsonaro disparou: “Quem é Greenpeace? Quem é essa porcaria chamada Greenpeace? Isso é um lixo”. A nota em questão destacou que o Conselho da Amazônia não tem meta e nem orçamento.

Na última terça-feira (11/2), Bolsonaro assinou um decreto que transferiu a coordenação do Conselho Nacional da Amazônia Legal do Ministério do Meio Ambiente para o Vice-Presidente Hamilton Mourão. No entanto, o conselho é formado exclusivamente pelo governo federal. Os governadores, no entanto, ficaram de fora do conselho.

Além do vice-presidente Mourão, o Conselho será composto pelos ministros da Casa Civil; da Justiça e Segurança Pública; da Defesa; das Relações Exteriores; da Economia, da Infraestrutura; da Agricultura; Ciência; Minas e Energia; Meio Ambiente; Desenvolvimento Regional e dos chefes da Secretaria-Geral, da Secretaria de Governo e do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

O grupo é constituído por quatro comissões: a integradora de políticas públicas, a de Preservação, a de Proteção e a de Desenvolvimento da Amazônia Legal, assim como subcomissões que auxiliarão na execução das atividades. O objetivo, segundo o Planalto, é o de coordenar e acompanhar a implementação das políticas públicas relacionadas a esse espaço do território nacional.

Leia um trecho da nota emitida pelo Greenpeace:

“O conselho não tem plano, meta ou orçamento. Ele não anulará a política antiambiental do governo e não tem por finalidade combater o desmatamento ou o crime ambiental. Os governadores, indígenas e a sociedade civil não fazem parte da sua composição. E numa tentativa de minimizar o impacto negativo da gestão do ministro Ricardo Salles, Bolsonaro retirou o Ministro do Meio Ambiente do comando de políticas ambientais para a Amazônia e espera que isto já seja o suficiente para enganar a opinião pública e os investidores internacionais. Mas os resultados continuarão sendo medidos diariamente pelos satélites que medem o desmatamento.

No último ano, assistimos a um orquestrado desmonte dos órgãos de proteção e fiscalização ambiental, que resultou num aumento do desmatamento em 30%, na queima da floresta e da imagem do Brasil nacional e internacionalmente.

Desde o anúncio do aumento do desmatamento em novembro, o governo emitiu uma Medida Provisória para premiar grileiros (MP 910/2019) e um Projeto de Lei para garimpeiros (PL 191/2020). Os alertas de desmatamento medidos pelo sistema DETER do INPE para o mês de janeiro de 2020 apontaram 280 km², o dobro do registrado no mesmo período do ano passado. Agora reuniram o presidente, seu vice, os ministros e autoridades em uma grande cerimônia, uma encenação, para criar um conselho que é uma verdadeira soma de zeros”

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Rondônia


Raio mata 5 cabeças de gado em Ministro Andreazza
Proprietário diz que bois estavam tentando se proteger da chuva; prejuízo estimado é de R$ 8 mil. Sipam diz que é comum na Amazônia....


Prefeitura de Presidente Médici realiza evento de educação inovadora com apoio do Sebrae
Equipes técnicas se reuniram para detalhamento das ações...


Goebel solicita ao governo que vistorias de veículos sejam feitas pelo Detran
O Parlamentar quer que o governo do Estado de Rondônia através do Departamento Estadual de Trânsito Detran/RO, realize vistorias dos veículos por administração direta ...


Follador recebe pedido de emendas, anuncia recursos liberados e faz visitas em Machadinho D’Oeste
No distrito do 5º BEC, parlamentar participou de entregas de certificados de Cursos Profissionalizantes...

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE