Rondônia, - 07:53

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Polícia francesa lança operação de evacuação de dois campos de migrantes perto de Paris
Cerca de 600 agentes policiais começaram esta madrugada a levar migrantes, que viviam em tendas improvisadas, para autocarros com destino a centros de acolhimento na capital francesa
Publicado Quinta-Feira, 7 de Novembro de 2019, às 10:21 | Fonte Expresso 0
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

MARTIN BUREAU/GETTY IMAGES

 


A polícia francesa anunciou esta quinta-feira o início de uma operação de evacuação de dois campos de migrantes, onde se encontram entre 600 e 1.200 pessoas, no nordeste de Paris.

Cerca de 600 agentes policiais começaram, a partir das 06:00 (05:00 em Lisboa), a levar migrantes, que viviam em tendas improvisadas, para autocarros de transporte com destino a centros de acolhimento na região parisiense.

Esta operação, numa escala sem precedentes, surge um dia depois de o ministro do Interior francês, Christophe Castaner, ter assumido "o compromisso" de evacuar os campos no nordeste de Paris "até o final do ano".

"Esta operação foi decidida como parte da implementação do plano" do Governo, declarou o responsável pela polícia de Paris, Didier Lallement, à imprensa.

Lallement afirmou que haverá uma presença da polícia diária para impedir a formação de outros campos na área e confirmou que haverá outras remoções no nordeste de Paris "muito em breve".

Christophe Castaner explicou que, agora, "cada caso deve ser estudado pessoalmente".

O ministro acrescentou que entre estes migrantes há requerentes de asilo, por isso houve um aumento de locais de acolhimento desde 2015, há outros para as quais o estatuto de refugiado já foi concedido, que receberão uma moradia; e existem aqueles sem documentos que serão expulsos do país.

Segundo a rádio "France Info", a vice-autarca de Paris, Dominique Versini, encarregada pela receção e acompanhamento dos refugiados, disse que cerca de 500 dos mais de mil migrantes que viviam nestes dois campos deixaram o local antes da chegada da polícia.

Notícia atualizada às 9h56

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em INTERNACIONAL


75 anos da libertação de Auschwitz: Ser indiferente é ser cúmplice
Jerusalém acolheu o maior encontro diplomático e político desde a cria­ção do Estado judaico, em 1948. No “Yad Vashem — Memorial do Holocausto”, juntaram-se 49......


Trump diz-se honrado por ser o primeiro presidente dos EUA em marcha antiaborto
''As crianças por nascer nunca tiveram um defensor tão acérrimo na Casa Branca'', afirmou Donald Trump na concentração anual antiaborto, onde criticou os democratas...


Trump será 1º presidente a participar de marcha contra o aborto
“O presidente e seu governo têm sido defensores constantes da vida”, disse a organizadora da marcha...


Wuhan construirá hospital dedicado ao coronavírus em poucos dias
Governo tenta impedir um surto de coronavírus após mais de 25 mortes...

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE