Rondônia, - 16:18

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Colecionador encontrou centenas de fotos de nazis vestidos de mulher e juntou-as num livro
Além de nazis, entre as centenas de fotografias, há soldados americanos e britânicos, fotografados nas duas guerras mundiais. Mas os mais frequentes eram mesmos os soldados nazis.
Publicado Domingo, 2 de Dezembro de 2018, às 19:09 | Fonte Observador 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=357706&codDep=24" data-text="Colecionador encontrou centenas de fotos de nazis vestidos de mulher e juntou-as num livro
  
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Hatje Cantz

As imagens estão agora compiladas num livro intitulado ''Soldier Studies'', editado pela Hatje Catz, lançado este mês

 

Um colecionador de fotografias de guerra alemão, Martin Dammann, descobriu centenas de imagens que mostram soldados nazis vestidos de mulher: com saias, vestidos, roupa interior e bijuteria. Alguns usam até maquilhagem. Em algumas fotos, os soldados aparecem abraçados uns aos outros.

Martin Dammann encontrava-se a fazer uma pesquisa sobre a vida dos soldados, quando deparou com centenas de fotografias deste género, compiladas agora num livro intitulado “Soldier Studies”, editado pela Hatje Catz, lançado este mês. Se as imagens não existissem, não acreditaria“, admitiu o colecionador ao Der Spiegel.

 

 

O livro intitulado “Soldier Studies”, editado pela Hatje Catz, foi lançado este mês (Foto: Hatie Catz)

 

 

Mas como explicar que estas cenas fossem toleráveis num regime que matou milhares de homossexuais, reprimia a homossexualidade e tentou, até, procurar uma cura para ela? Segundo Dammann, as fotografias podem ter sido tiradas no Carnaval. “Não acho que haja só uma explicação, pois não há uma motivação única para os casos retratados nem uma única orientação sexual”, disse ao jornal brasileiro Folha de São Paulo.

Além de nazis, entre as centenas de fotografias, há soldados americanos e britânicos, fotografados nas duas guerras mundiais. Mas os mais frequentes, de acordo com Dammann, eram mesmos os soldados nazis. “É preciso fazer uma distinção entre a ideologia nazi, que era homofóbica, e a lógica de líderes militares, que precisavam do maior número possível de soldados na melhor forma física e mental possível”, explicou Dammann ao mesmo jornal.

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em INTERNACIONAL


Ataque no Sri Lanka: terroristas eram de classe média e estudaram fora
Os terroristas envolvidos no ataque no Sri Lanka eram de classe média ou alta, mantinham ligações internacionais e eram bem-educados, informou o governo do país na manhã desta quarta-feira....


Egípcios apoiam mudanças na Constituição dando mais poder ao presidente Sisi
Cerca de 90 por cento dos eleitores egípcios que participaram de um referendo aprovaram mudanças na Constituição do país, afirmou a comissão eleitoral nesta terça-feira, em uma medida que pode abrir caminho para que o presidente Abdel Fattah al-Sis...


Número de mortos em atentados no Sri Lanka sobe para 359
Autoridades do Sri Lanka elevaram para 359 o número de mortos nos atentados que atingiram o país no domingo de Páscoa. ...


Eleições presidenciais na Macedónia do Norte vão ter segunda volta
Segundo a comissão eleitoral, citada pela Agência France Presse, votaram pouco menos de 1,8 milhões de eleitores, o que representa cerca de 40% dos eleitores, a taxa mais baixa desde a independência da ex-república jugoslava, em 1991...

 
 
 

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE