Rondônia, - 09:07

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
China anuncia milhares de milhões de euros em apoio aos países árabes
Publicado Terça-Feira, 10 de Julho de 2018, às 07:04 | Fonte Observador 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=350861&codDep=24" data-text="China anuncia milhares de milhões de euros em apoio aos países árabes
  
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

FRED DUFOUR / POOL/EPA

 

O Presidente chinês, Xi Jinping, prometeu esta terça-feira aos países árabes mais de 23 mil milhões de dólares (19,5 mil milhões de euros) em empréstimos e assistência humanitária, visando reforçar a influência de Pequim na região.

A China está preparada para ter um maior papel na paz e estabilidade da região”, afirmou Xi, durante uma conferência com os líderes árabes, na capital chinesa, onde revelou que a Síria, Iémen, Jordânia e Líbano vão receber 91 milhões de dólares (77,5 milhões de euros) em assistência humanitária.

O Presidente chinês referiu ainda a necessidade de abordar a situação na Palestina a apelou às partes envolvidas no conflito em Gaza a que retomem as conversações “o mais rápido possível”, visando alcançar a paz e estabelecer novos mecanismos para trabalhar na mesma direção.

Devemos dar mais apoio concreto aos palestinianos, quero anunciar 100.000 milhões de yuan (12.900 milhões de euros) em ajuda à Palestina para apoiar os seus esforços de crescimento económico e a sua população”, afirmou Xi.

A China oferecerá ainda assistência aos organismos das Nações Unidas encarregues de apoiar os refugiados palestinianos, acrescentou.

Pequim tem expandido a sua influência entre os países árabes, contrabalançando a Europa e EUA, através da cooperação nos setores energia, infraestruturas e comércio.

Xi adiantou que assinará declarações conjuntas de ação visando melhorar a cooperação no âmbito da “Nova Rota da Seda”, um gigantesco projeto de infraestruturas inspirado nas antigas vias comerciais entre Ásia e Europa.

Lançada em 2013 pelo Presidente chinês, Xi Jinping, a “Nova Rota da Seda” inclui uma malha ferroviária intercontinental, novos portos, aeroportos, centrais elétricas e zonas de comércio livre, visando ressuscitar vias comercias que remontam ao Império romano, e então percorridas por caravanas.

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em INTERNACIONAL


O que uniu Michelle Obama e a Rainha Isabel II? Dores nos pés e saltos altos
Uma quebra de protocolo: a mulher que gosta de abraços e a mulher que não está habituada a ser tocada em público. Quase dez anos depois, Michelle Obama explica...


Brexit. Jeremy Corbyn considera “improvável” que o acordo seja bom para o Reino Unido
“Os trabalhistas foram claros desde o princípio: precisamos de um acordo que proteja o emprego e a economia”, escreveu o político britânico no Twitter...


Desembarcam em segurança em Motril 119 pessoas resgatadas de dois barcos
Os 116 africanos e três asiáticos resgatados pela Polícia Marítima nas proximidades do mar de Alborán, quando viajavam em duas embarcações, desembarcaram em segurança no porto de Motril, em Granada....


Bruxelas tem mais de 190 milhões de euros para promoção agroalimentar da UE em 2019
Segundo um comunicado da Comissão Europeia, a verba para cofinanciamento dos programas de promoção de produtos agroalimentares para 2019 é 12,5 milhões de euros superior à disponibilizada este ano....

 
 
 

 

Ads Emro Noticias 1



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE