Rondônia, - 22:04

 

Você está no caderno - Notícias da Amazônia
ação social na amazônia
Núcleo de Apoio à População Ribeirinha da Amazônia chega em Rondônia com atividades no Baixo Madeira
O Napra desenvolve suas atividades em Rondônia principalmente através de recursos provenientes de doações, patrocínios e elaboração de projetos.
Publicado Quarta-Feira, 27 de Junho de 2018, às 10:20 | Fonte Assessoria 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=350242&codDep=38" data-text="Núcleo de Apoio à População Ribeirinha da Amazônia chega em Rondônia com atividades no Baixo Madeira
  
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Um grupo de profissionais e estudantes do NAPRA – Núcleo de Apoio à População Ribeirinha da Amazônia - chegará em Rondônia no início do mês de julho para desenvolvimento de atividades de apoio à comunidades ribeirinhas no Baixo Madeira. 

O NAPRA é uma organização privada sem fins lucrativos que desenvolve atividades em comunidades ribeirinhas em Rondônia há mais de 20 anos e tem como missão apoiar as comunidades ribeirinhas e promover a formação de estudantes e profissionais para ação comunitária no contexto amazônico. 

O grupo multidisciplinar que estará em Rondônia entre os dias 5 e 29 de julho conta com quase 40 pessoas, entre profissionais e estudantes de medicina, engenharia e gestão ambiental, biologia, psicologia, educação, ciências sociais, entre outros, e desenvolverá diversos projetos nas áreas de saúde, educação e cultura, produção e geração de renda e organização social e comunitária nas comunidades de São Carlos do Jamari, RESEX Lago do Cuniã e Nazaré durante o mês de julho. 

Tanto na comunidade de Nazaré quanto em São Carlos do Jamari serão realizadas a entrega e plantio de mudas, dando continuidade aos projetos realizados em 2017, uma vez que há demanda para árvores frutíferas, pois muitas morreram em decorrência da cheia em 2014. Diálogos e atividades relacionadas a drogadição, sexualidade e prevenção de doenças também perpassam a atuação nas três comunidades apoiadas pelo NAPRA, 

Em Nazaré, os voluntários do NAPRA ainda apoiam o Festival Cultural, lidando com o lixo gerado durante o festejo, visando sensibilizar a população e os visitantes, e dar a melhor destinação possível ao lixo gerado. Para fortalecer a Associação de Mulheres da comunidade e auxiliar em sua renda, serão realizadas oficinas de artesanato. Os voluntários também pretendem realizar atividades lúdicas e de entretenimento para crianças e adolescentes, no Espaço Comunitário, local que conta com livros, instrumentos musicais e brinquedos; está em funcionamento desde Julho do ano passado, após o auxílio dos moradores e do NAPRA. Também serão trabalhados nesta atuação temas como fotografia e edição, com o público adolescente e jovem, de maneira a promover um diálogo sobre fotos, demonstrando NAPRA - Núcleo de Apoio à População Ribeirinha da Amazônia a utilidade desse recurso na história da nossa sociedade; e reforço escolar para os estudantes, objetivando auxiliar na demanda de alfabetização levantada por educadores das escolas Municipal e Estadual. 

Na RESEX Lago do Cuniã, alguns dos projetos previstos para julho de 2018 são a realização de um curso de confecção de biojoias, no qual serão utilizados sementes e materiais disponíveis na própria comunidade, resgatando um conhecimento já existente na comunidade vizinha de São Carlos; a continuidade das atividades de fortalecimento da cadeia da castanha do Brasil e da Associação Arte Castanha através da estruturação de seu espaço físico e auxiliando-os a buscar acesso a financiamentos; capacitação e estímulo à utilização de ferramentas para estudo e pesquisa na internet e o estímulo à certificação no Ensino Fundamental e Médio através de preparação para o Encceja – Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos, que poderá abrir acesso a concursos públicos e outras oportunidades de trabalho para as pessoas da comunidade, dentro ou fora da RESEX. Em 2017, com o apoio do NAPRA, 20 pessoas da comunidade que prestaram a prova foram aprovadas. 

Na comunidade de São Carlos do Jamari também serão trabalhadas habilidades em informática para possibilitar o uso de um maior conjunto de ferramentas pelos ribeirinhos; e a realização de atendimentos oftalmológicos para cerca de 1000 pessoas da comunidade e região, oferecimento de óculos e encaminhamentos de pacientes para centros de referência em Porto Velho. 

Este último projeto é continuidade de projeto iniciado em 2015 na comunidade RESEX Lago do Cuniã, quando foi realizada uma avaliação de acuidade visual das crianças em idade escolar, e constatado um número significativo de crianças com baixa acuidade visual. Assim, em 2017 os médicos oftalmologistas Dr. Lenine Botigelli e Dr. Felipe Ciconelli Peixoto atenderam a quase 500 pessoas nas comunidades da na RESEX Lago do Cuniã e em Nazaré, tendo sido distribuídos 235 óculos, e encaminhados outros 57 pacientes diagnosticados com doenças oculares (catarata, pterígeo, glaucoma, etc.) para centros de referência em Porto Velho. 

Este ano, além da parceria com os dois médicos oftalmologistas, que novamente ficarão responsáveis pelas consultas, exames e tratamentos dos pacientes, o Napra também estabeleceu parceria com o Instituto Ver e Viver, que cedeu 750 armações de óculos e todas as lentes necessárias, e o Instituto Verter, NAPRA - Núcleo de Apoio à População Ribeirinha da Amazônia que cedeu equipamentos médicos necessários para a realização das consultas e exames. Assim, em 2018 o projeto pretende atender aproximadamente 980 pessoas ou 350 famílias residentes na comunidade de São Carlos do Jamari e comunidades menores do entorno. 

Os projetos desenvolvidos pelo Napra são pensados a partir de consultas e diálogo com representantes e lideranças das comunidades, que levantam as principais necessidades e demandas da mesma. Assim, o Napra visa atender o que de fato é levantado pela comunidade, considerando as habilidades e conhecimentos da equipe que estará presente. 

O Napra desenvolve suas atividades em Rondônia principalmente através de recursos provenientes de doações, patrocínios e elaboração de projetos. Para mais informações e apoio ao projeto acesse o site: napra.org.br ou entre em contato pelo e-mail [email protected] 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Notícias da Amazônia


Exército realiza Operação Ajuricaba III na fronteira entre Rondônia e Acre
A ação teve o objetivo de intensificar a presença do exército, neutralizar e reduzir as organizações de crime organizados na fronteira....


Incra investe R$ 11,5 milhões em estradas de Machadinho do Oeste
Serão construídas e complementadas estradas vicinais no interior do PA Belo Horizonte em benefício direto a 422 famílias de agricultores. Nos PA's Santa Maria I e II serão recuperadas as estradas que beneficiarão 930 famílias....


Abertas inscrições para o IV Simpósio de Recursos Hídricos
O evento será realizado no mês de setembro em Rolim de Moura...


Sedam apreende mais de 500 metros cúbicos de madeira extraída ilegalmente
A madeira está sendo calculada por fiscais da Sedam dentro da unidade de conservação...

 
 
 

 

Ads Emro Noticias 1


 


::: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE