Rondônia, - 16:23

 

Você está no caderno - Notícias da Amazônia
defensor da amazônia
Brasileiro Sebastião Salgado entra em Academia de Belas Artes francesa
O fotógrafo Sebastião Salgado tomou posse quarta-feira (6) na Academia de Belas Artes de Paris, na França, onde mora. Ele é o primeiro brasileiro a ocupar uma cadeira na entidade.
Publicado Sexta-Feira, 8 de Dezembro de 2017, às 15:47 | Fonte ANSA 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=339795&codDep=38" data-text="Brasileiro Sebastião Salgado entra em Academia de Belas Artes francesa
  
  WhatsApp - (69) 9 9967-8787
 

Sebastião Salgado

A repórter Míriam Leitão e o fotógrafo Sebastião Salgado junto aos índios Awá

O fotógrafo Sebastião Salgado tomou posse quarta-feira (6) na Academia de Belas Artes de Paris, na França, onde mora. Ele é o primeiro brasileiro a ocupar uma cadeira na entidade. "Foi emocionante. Poder participar da cultura francesa e ter como herança minha cultura brasileira é algo fantástico" disse o artista de 73 anos, após a cerimônia no Institut de France. A formalidade teve início com discurso do fotógrafo francês Yann Arthus-Bertrand, que resumiu a trajetória de seu colega. Uma mensagem também foi enviada pelo presidente Emmanuel Macron. O mandatário não esteve presente, mas desejou suas "mais calorosas saudações".

Salgado discursou em memória de Lucien Clergue, antigo amigo morto em 2014. Clergue era antigo ocupante de uma das quatro cadeiras de fotografia da Academia. "Somos quatro fotógrafos na Académie, Lucien. Como os quatro mosqueteiros que vão defender a fotografia", declarou. Para sua esposa, Lélia Wanick Salgado, a nomeação é "uma honra".

"Foi realmente emocionante. É uma honra ele ser admitido nesta Academia de Belas Artes da França. É algo que faz a gente ficar feliz e reconhecido", declarou.

Lélia é considerada "salvação" na vida do marido. Ambos se exilaram na França durante a ditadura, no ano de 1969. Na época, Sebastião Salgado começou a fotografar por hobby com uma câmera emprestada da esposa. A partir de então, tem se dedicado inteiramente à fotografia. Seu trabalho é voltado, principalmente, à denúncia de situações pelo Brasil e ao redor do mundo, através de imagens em preto e branco. Dentre suas obras mais conhecidas estão "Gênesis" (2013) e "Serra Pelada" (1999). Além disso, o brasileiro já passou pelas maiores agências francesas de fotojornalismo: Magnum, Sygma e Gamma. 

 





Curta nossa página no Facebook ou deixe seu comentário



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

 
 
Veja também em Notícias da Amazônia


Pará é o estado com maior índice de desmatamento da Amazônia Legal, aponta Imazon
Ao contrário do ano anterior, foi registrado aumento de 22% do desmatamento em todo território da floresta amazônica em 2018. 52% das áreas atingidas no Pará são de preservação ambiental. ...


Comunicólogos de Porto Velho debatem lixo plástico e os efeitos nos rios
Defensora de questões socioeconômicas e ambientais com metodologias inclusivas, a jornalista Claudia Moura disse aos colegas debatedores, que soluções para problemas sociais do país......


MPF identifica responsáveis por todos os desmatamentos com mais de 60 hectares na floresta amazônica entre 2016 e 2017
2,3 mil pessoas ou empresas foram associadas a mais de 1,5 mil áreas desmatadas de forma irregular...


Governo Temer e Estado de Roraima não alcançam conciliação sobre imigrantes venezuelanos
Em uma primeira reunião, em maio, o estado abriu mão do fechamento de fronteira, mas pediu R$ 184 mi em ressarcimento, por parte do governo federal...

 
 
 

 


 


::: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE