Rondônia, - 00:26

 

Você está no caderno - Rondônia
comboio na br-319
Comboio que leva oxigênio para Manaus está no atoleiro da BR-319
O comboio saiu de Porto Velho na última quarta-feira (20).
Publicado Sexta-Feira, 22 de Janeiro de 2021, às 14:46 | Fonte Diário da Amazônia 0

 
 

Divulgação

O comboio que leva oxigênio para Manaus/AM, via BR-319 (Porto Velho-Manaus), enfrentam o atoleiro característico da rodovia federal. Elas estão sendo acompanhadas por tratores, disponibilizados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), responsável pela manutenção da estrada, para continuar a viagem.

A estrada, asfaltada na década de 1970, não tem mais asfalto por pressão ambientalista. O lobby ambiental conseguiu impor a ideia de que a rodovia nunca existiu e precisa ser tratada pela legislação ambiental como se estivesse sendo construída agora. Na falta de oxigênio em Manaus, quando número ainda não divulgado de pacientes morreram asfixiados, por falta de oxigênio, a rodovia teria sido fundamental para salvar vidas. Na falta da opção terrestre, o produto só pode chegar à cidade via aérea, em quantidades menores, ou fluvial, que leva bem mais tempo.

As carretas, com cerca de 100 mil metros cúbicos (m3), são fundamentais para evitar mais mortes em Manaus. A segunda onda da pandemia de coronavírusaumentou de 15 mil m3, no pico da primeira onda, para 76,5 mil m3 o consumo diário de oxigênio na capital amazonense. O País inteiro se mobiliza, com gestos emocionantes, para ajudar o Amazonas, mas a logística se mostra um grande obstáculo.

O comboio saiu de Porto Velho na última quarta-feira (20) e deve levar 36 horas para percorrer os 840 quilômetros da rodovia, até o porto do Careiro da Várzea. De lá serão embarcados em balsa e farão a travessia dos rios Solimões e Negro, até a Ceasa, em Manaus. A mesma viagem, se fosse feita pelo rio Madeira, em balsa, levaria seis dias.

Atoleiro
As carretas encerraram o dia à altura do KM-470, nesta sexta (21/01), sendo acompanhadas por um comboio com seis viaturas da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as duas retroescavadeiras do DNIT. “O comboio ainda não chegou ao trecho mais crítico”, diz André Marsílio, presidente do grupo Amigos da BR-319.

O DNIT, segundo o superintendente em Rondônia, André Lima, mobiliza 220 trabalhadores na manutenção da BR-319, desde o dia 14/01. Apesar disso, nesta quinta (21/01), vídeos do “Amigos da BR-319” mostram carros atolando na rodovia, à frente das carretas. E a lentidão com que avançam, rumo ao salvamento das vidas amazonenses.

“O transporte do oxigênio pela BR-319 teria sido muito mais rápido e eficiente, no salvamento de vidas, do que as opções aérea e fluvial. Sem contar que, no dia a dia, há milhares de brasileiros que utilizam a rodovia, colocando em risco a própria vida. E os Municípios de Humaitá, Borba, Manicoré, Careiro Castanho, Manaquiri, Autazes e Careiro da Várzea, diretamente ligados à rodovia, precisam muito dela. É uma questão de sobrevivência e dignidade. Quem é contra a estrada condena essa gente a uma condição de sub-brasileiros”, diz André Marsílio.







Veja também em Rondônia


Detran suspende atendimento presencial em cumprimento ao novo Decreto; usuários podem acessar os serviços online
O Governo de Rondônia por meio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), informa que os atendimentos presenciais estão suspensos temporariamente, conforme em cumprimento ao Decreto n. 25.853, de 2 de março de 2021......


Medidas para distanciamento social controlado nos finais de semana estão previstas no novo decreto estadual
O novo Decreto 25.853, publicado no dia 2 de março de 2021, pelo Governo de Rondônia, traz uma série de recomendações à classe empresarial e à população rondoniense para prevenção e combate à pandemia do coronavírus......


Procon Rondônia orienta supermercados sobre medidas adotadas pelo Governo em novo decreto estadual
O Governo de Rondônia, por meio do Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), dá continuidade ao trabalho de fiscalização direcionada para averiguar a quantidade de pessoas em supermercados......


Decreto 25.853 reforça medidas sanitárias em estabelecimentos para conter o avanço do coronavírus em Rondônia
Em atenção ao novo Decreto nº 25.853, de 2 de março de 2021, medidas de prevenção e enfrentamento à Covid-19 foram reforçadas em Rondônia......

 




 
Pub
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News