Rondônia, - 19:34

 

Você está no caderno - CIÊNCIA E SAÚDE
Ciência
Telescópios Hubble e ALMA registram nascimento de aglomerado de estrelas
Os telescópios Hubble e ALMA conseguiram registrar o nascimento de estrelas a 8 mil anos-luz da Terra
Publicado Domingo, 5 de Julho de 2020, às 15:52 | Fonte Galileu 0

 
 

(Foto: ALMA (ESO/NAOJ/NRAO), Y. Cheng et al.; NRAO/AUI/NSF, S. Dagnello; NASA/ESA Hubble)

Aglomerado de estrelas G286.21+0.17 no momento de sua formação

 

 

Uma imagem impressionante do nascimento de um aglomerado de estrelas foi captada por dois telecópios importantes: o Hubble, da Nasa, e o Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), no Chile. O grupo de "estrelas bebês" é formalmente conhecido como G286.21 + 0.17, e o mais incrível dessa captura é poder observar reações que parecem fogos de artificio no espaço. 

A maioria das estrelas do Universo, incluindo o Sol, nasceu em grandes aglomerados de estrelas. O novo aglomerado está localizado na região da constelação Carina, a cerca de 8 mil anos-luz de distância. A imagem captada é basicamente um mosaico de vários comprimentos de onda feito de mais de 750 observações com o ALMA e nove imagens infravermelhas do Hubble.

Já os "fogos de artificio" são, na verdade, nuvens densas feitas de gás molecular. O telescópio ALMA observou os movimentos do gás turbulento caindo dentro do aglomerado, formando núcleos densos que criam estrelas individuais; e o Hubble revelou um grande grupo de estrelas saindo de um lado da nuvem. "Esta imagem mostra estrelas em vários estágios de formação dentro desse único cluster", disse, em nota, Yu Cheng, da Universidade da Virgínia, nos Estados Unidos. 

 

Telescópios capturam nascimento de aglomerado de estrelas (Foto: ALMA (ESO / NAOJ / NRAO), Y. Cheng et al .; NRAO / AUI / NSF, S. Dagnello; NASA / ESA Hubble)

Telescópios captam nascimento de aglomerado de estrelas (Foto: ALMA (ESO / NAOJ / NRAO), Y. Cheng et al .; NRAO / AUI / NSF, S. Dagnello; NASA / ESA Hubble)

 

Tudo isso mostra que o nascimento de estrelas não é simples, mas "dinâmico e caótico", segundo Jonathan Tan, coautor do estudo. Agora, a partir dessas observações, os cientistas poderão estudar melhor esse e outros processos fundamentais do Universo.







Veja também em CIÊNCIA E SAÚDE


Quando vai morrer? Três coisas que os gatos conseguem prever
Não estamos falando de magia. Mas sim, estes animais de estimação possuem determinados 'superpoderes'... ...


Três erros de estilo que acrescentam anos à sua aparência
Siga estas dicas de moda e troque para um estilo que atrase o relógio! ...


Ayahuasca reforça elo entre depressão e inflamação
O novo estudo, publicado dia 10 no periódico especializado Journal of Psychopharmacology acrescenta uma peça ao quebra-cabeças da neurobiologia da depressão ...


Crianças têm atraso na fala e maior dependência dos pais na pandemia
Há quatro meses em isolamento, famílias com crianças pequenas têm identificado mudanças no comportamento e no desenvolvimento infantil com a restrição de convívio social ...

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News