Rondônia, - 09:42

 

Você está no caderno - NACIONAL
Nacional
Recapturado no Paraguai foi preso por roubar R$ 950 de brasileiro
Paraguaio foi detido em distrito de Concepción um dia após fugir de penitenciária em Pedro Juan Caballero. Seguem nas ruas 66 fugitivos
Publicado Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020, às 10:33 | Fonte Kaique Dalapola 0

 
 

Reprodução/Ministério da Justiça do Paraguai

Paraguaio recapturado após fuga em Pedro Juan Caballero

Recapturado na última segunda-feira (20) no distrito paraguaio de Arroyito, no departamento de Concepción, um dia após fugir da prisão, o preso Ronald Francisco Brítez, 20 anos, havia sido detido no final de junho de 2017 por ter roubado a padaria de um brasileiro em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com o Brasil.

No assalto, Brítez e outros dois homens teriam roubado cerca de R$ 950 (convertendo a moeda paraguaia) que estavam no caixa do estabelecimento. Imagens de câmera de segurança e reconhecimento fotográfico levaram os suspeitos para prisão.

Depois de ficar quase dois anos e seis preso, Brítez escapou da penitenciária de Pedro Juan Cabellero no último domingo (19), juntamente com outros 34 paraguaios e 40 brasileiros, na fuga orquestrada pela facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).


Segundo as autoridades paraguaias, a maioria dos fugitivos pertence ao grupo criminoso brasileiro. No entanto, os principais nomes da facção que estavam no presídio saíram pelo portão da frente, após suposto pagamento de propina para os agentes penitenciários.

No ano passado, o governo paraguaio descobriu um plano de resgate de presos do PCC em penitenciárias do país. Para realizar essa saída em massa, a facção pagaria cerca de 80 mil dólares para agente penitenciários. As autoridades apuram se essa quantia foi paga.

Possivelmente, conforme as apurações, Brítez fugiu pelo túnel construído na penitenciária que sai em uma mata à margem de um bairro periférico de Pedro Juan Caballero. Não há informações se ele é integrante do PCC.

Recapturados

Segundo o Ministério do Interior do Paraguai, dos 40 brasileiros que constam na lista de presos fugitivos, apenas Luís Alves Cruz, que usava o nome falso de Eduardo Alves da Cunha, foi recapturado até a noite desta quinta-feira (23). Ele foi pego por autoridades brasileiras em Ponta Porã, na segunda-feira (20), um dia após a fuga.

Já as autoridades paraguaias recapturaram oito fugitivos. Os últimos que voltaram para a prisão são Del Rosario Gómez Armoa e Derlis Marques Gonzales, detidos pela polícia paraguaia, e Cristian Javier Benítez Vera, que estava escondido na casa de familiares e se entregou por não querer viver foragido, conforme teria dito para as autoridades.

Os outros recapturados são: Charli Antonio Giménez Martínez, Sabio Darío González Figueredo, José Enrique Ullón, Ronald Francisco Brítez e Orlando Manuel Vera.

Foragidos

Conforme as informações oficiais, 66 pessoas seguem nas ruas após fugir da penitenciária de Pedro Juan Caballero. Entre os fugitivos estão David Timóteo Ferreira, 35 anos, Luís Antônio Varela da Silva, 23 anos, e Laurindo de Sousa Neto, 28 anos, supostamente integrantes da facção criminosa PCC.

Os três brasileiros foram detidos em 2017 por autoridades paraguaias em uma casa no bairro de Bernardino Caballero, em Pedro Juan Cabellero, a menos de 3 km do território brasileiro.

Na residência onde eles estavam com outros dois brasileiros e dois paraguaios, foram localizados três fuzis de diferentes calibres, munições, drogas, dinheiro e carros com placas do Brasil e do Paraguai, além de materiais que seriam utilizados para preparar entorpecentes para comercialização.

O trio foi denunciado pelo Ministério Público do país vizinho por associação criminosa, comércio de drogas e porte ilegal de arma. As autoridades paraguaias investigam se eles estão entre os integrantes do PCC que saíram da prisão pela porta da frente.







Veja também em NACIONAL


Colégio recebe Secretarias de Governo e Ministério Público para tratar da volta às aulas presenciais
Em uma iniciativa conjunta do Colégio Militar de Curitiba (CMC) e da 5ª Divisão de Exército......


Reunião sobre impeachment de Witzel no Tribunal Misto será amanhã
Roteiro dos trabalhos será definido nesta quinta-feira ...


Teste de Aptidão de Tiro avalia preparo dos quadros da Unidade
Nos dias 23 e 24 de setembro, a 2ª Bateria de Artilharia Antiaérea (2ª Bia AAAe)......


Armênia e Azerbaijão intensificam confrontos
Pelo menos 30 pessoas morreram no segundo dia de embates ...

 




 
Pub
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News