Rondônia, - 00:35

 

Você está no caderno - CIÊNCIA E SAÚDE
Saúde
Trabalhar muitas horas provoca queda de cabelo, diz estudo
A queda de cabelo pode até mesmo evoluir para calvície
Publicado Quinta-Feira, 7 de Novembro de 2019, às 11:09 | Fonte Notícias ao Minuto 0

 
 

 

Um estudo recente, publicado na revista científica Annals of Occupational and Environmental Medicine, concluiu que existe uma relação entre o número de horas de trabalho e a queda de cabelo. 

A pesquisa revelou que os homens entre os 20 e os 30 anos que trabalhavam pelo menos 52 horas semanais, perdiam o cabelo mais rapidamente do que aqueles que tinham um horário de trabalho regular.

Para chegar a estes resultados, a equipe estudou 13391 empregados, divididos em três grupos: aqueles que trabalhavam 40 horas semanais, os que trabalhavam 52 horas, e os que trabalhavam mais do que 52. O primeiro grupo registrou um aumento de dois por cento na queda de cabelo, o segundo de três por cento, e o último de quatro.

Segundo os pesquisadores sul coreanos, o estudo teve também em conta as variáveis do seu estilo de vida e o estado civil. Mas a conclusão permanece a 

 







Veja também em CIÊNCIA E SAÚDE


Esclerose Múltipla: a resposta às quatro principais questões
Estima-se que em todo o mundo existam cerca de 2500 mil casos da doença, segundo a OMS...


Por que nos esquecemos dos sonhos? A ciência explica
Pesquisa inédita descobriu um hormônio que atua no cérebro que é responsável pelo esquecimento dos sonhos...


Cinco coisas que jamais deve fazer com os filhos dos outros
Não faça com o filho dos outros o que não gostaria que fizessem com o seu!...


Sofre de enxaqueca? Conheça os principais tratamentos
Além dos medicamentos e toxina botulínica, hoje é possível tratar o problema até com cirurgia, que é pouco invasiva e tem o objetivo de descomprimir e liberar os ramos dos nervos trigêmeo e occipital, envolvidos nos pontos de dor...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News