Rondônia, - 07:12

 

Você está no caderno - POLÍTICA
Política
Comissão sobre impeachment de Crivella terá vereador aliado como membro
A Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro aprovou a abertura do processo de impeachment do prefeito Marcelo Crivella (PRB) na tarde desta terça-feira, 2 de abril.
Publicado Quarta-Feira, 3 de Abril de 2019, às 09:45 | Fonte Veja.com 0

 
 

© Renan Olaz/CMRJ O ex-secretário da Casa Civil e vereador Paulo Messina (Pros)


A Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro aprovou a abertura do processo de impeachment do prefeito Marcelo Crivella (PRB) na tarde desta terça-feira, 2 de abril.

Apesar do placar elástico (35 votos favoráveis a 14 contrários – bastavam apenas 26), o prefeito não pode reclamar da sorte. Seu mais fiel aliado foi escolhido por sorteio para participar da comissão processante: Paulo Messina (Pros), que pediu exoneração do cargo de secretário da Casa Civil hoje justamente para ir à Câmara votar contra a abertura do processo de impeachment.

Messina que é conhecido nos bastidores da política do Rio como uma espécie de “primeiro-ministro” do governo de Crivella, será membro da comissão processante, que terá 90 dias para apresentar relatório a favor ou contra o impeachment de Crivella.

Formada por três vereadores, a comissão será presidida por William Coelho (MDB), que votou a favor da abertura do processo. O relator será Luiz Carlos Ramos Filho (Pode). Ele é filho do ex-secretário de relações institucionais da gestão Crivella, o deputado federal Luiz Carlos Ramos e, assim como Messina, votou contra a abertura do processo.

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em POLÍTICA


Rodrigo Maia elogia Moro: 'Fez e tem feito política'
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, elogiou nesta segunda-feira, 13, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, por estar “fazendo política”....


Caso Queiroz: como estão as investigações sobre ex-assessor de Flávio Bolsonaro?
A apuração do Ministério Público do Rio de Janeiro sobre movimentações financeiras suspeitas de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (PSL), vai completar 500 dias no próximo sábado, mas ainda não há conclusão a respeito do caso...


MP diz que Flávio Bolsonaro ‘direciona esforços para interromper investigações’
O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) afirmou que o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) tem direcionado seus esforços para tentar interromper investigações sobre movimentações financeiras atípicas em seu gabinete de deputado estadual no Rio e...


Sexta Turma do STJ julga habeas corpus de Temer nesta terça
Está marcado para as 14h desta terça-feira 14 o julgamento na Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) sobre o habeas corpus movido pela defesa do ex-presidente Michel Temer (MDB), preso pela segunda vez na última quinta-feira, após se apr...

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News