Rondônia, - 18:52

 

Você está no caderno - Polícia
operação da PF
Operação Comboio investiga organização criminosa especializada em contrabando de cigarros paraguaios
PF e PRF investigam grupo criminoso que contrabandeava grandes cargas de cigarros paraguaios na região Sul
Publicado Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, às 17:26 | Fonte Assessoria de Comunicação 0

 
 

Viatura da Polícia Federal

Chapecó/SC – A Polícia Federal, juntamente com a Polícia Rodoviária Federal, desencadeou hoje (14/3) a Operação Comboio, para desarticular organização criminosa especializada no contrabando de cigarros paraguaios. O grupo atuava no Rio Grande do Sul e no Paraná.

A investigação teve início com a apreensão de um caminhão bitrem carregado de cigarros em Bom Jesus/SC, no dia 10/01/2018. Na ocasião, foram presas em flagrante 08 pessoas e a carga de cigarros foi avaliada pela Receita Federal em R$ 2,1 milhões.

Participam da operação 60 policiais federais e policiais rodoviários federais. Eles dão cumprimento a 14 mandados de busca e apreensão e a 9 mandados de prisão preventiva, nas cidades de Arroio Trinta/SC, Altônia/PR, Caxias do Sul/RS, Canoas/RS e Taquara/RS.

Nos autos do inquérito policial que apura os fatos, foram identificados os principais integrantes de uma organização criminosa radicada no Rio Grande do Sul que, utilizando-se de entrepostos no Estado do Paraná, transportava regularmente cargas de cigarro contrabandeado ocultas em caminhões com grande capacidade de carga.

Constatou-se que o grupo agia transportando as cargas do Paraguai até entreposto (depósito) localizado no Estado do Paraná. A partir do depósito, as cargas eram carregadas em outros caminhões, adquiridos pelo grupo especialmente para o transporte, para distribuição no Rio Grande do Sul e litoral de Santa Catarina.

O grupo criminoso, em diversas ocasiões, fez uso de caminhão baú contendo pintura e emblema do serviço SEDEX da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, como forma de burlar a fiscalização - o caminhão baú com inscrição SEDEX foi apreendido em 26/10/2018, no Município de Bituruna/PR, quando transportava 277.000 maços de cigarro contrabandeado.

Desde o início da operação, foram presas em flagrante 18 pessoas envolvidas com a organização, além de apreendidos 7 caminhões, os quais transportavam quase 2 milhões de maços de cigarros contrabandeados, mercadoria avaliada pela Receita Federal em aproximadamente R$ 10 milhões – somente em impostos sobre a importação e IPI teriam sido sonegados cerca de R$ 6,4 milhões de reais.

Os envolvidos estão sujeitos a indiciamento pelos crimes de contrabando (art. 334-A do Código Penal) e organização criminosa (art. 2o da Lei 12.850/2013), cujas penas somadas podem chegar a 13 anos de prisão.







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Polícia


Ladrão tenta roubar caminhonete de idosos, mas bate veículo em portão, em Vilhena, RO
Criminoso ameaçou vítimas com barra de ferro. Ele fugiu e ainda não foi identificado. ...


Homem é preso na fronteira com o Paraguai ao tentar levar droga para Rondônia
Um dos passageiros, um homem de 21 anos de idade, transportava 20 quilos do entorpecente e disse que foi contratado para levar a mala com a droga até Ji-Paraná (RO)....


Corpos de mãe e filho mortos após ataque de ex-companheiro são enterrados neste sábado em BH
Serão enterrados neste sábado (27) os corpos de João Pedro Seabra Anísio, de 26 anos, e a mãe dele, Élida Maria Seabra, de 57 anos....


Polícia Civil faz operação para capturar foragidos da Justiça
Uma operação nacional, deflagrada hoje (24) pela Polícia Civil, captura dezenas de foragidos da Justiça em todo o país....

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News