Rondônia, - 16:10

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Os carros autónomos terão mais dificuldade em detetar negros do que brancos, alerta instituto da Geórgia
Quando comparados dois grupos, um com a pele mais clara e outro com a pele mais escura, foi possível verificar uma eficácia menor na deteção dos segundos. Apesar da relevância do estudo do Instituto de Tecnologia da Geórgia, o documento não foi ainda revisto pelos pares
Publicado Quarta-Feira, 6 de Março de 2019, às 15:25 | Fonte Expresso 0

  
 
 

PICTURE ALLIANCE/GETTY IMAGES


A profecia de que as máquinas chegarão um dia para atormentar a vida do homem é cada vez menos uma profecia. É só passear pelo mundo encantado da imensidão internética e constatar o cheirinho a futuro.

De maquinetas enviadas para o espaço para descobrir a vizinhança aos robôs que investigam carapaças de bombas, passando pelos androides que sabem manter uma conversa, nas Alexas que dão música e até nos cães-filhos-da-robótica que abrem portas, culminando nos carros autónomos. E é sobre estes que há novidades. Um novo estudo revela que os automóveis sem condutor serão mais propensos a atingir negros do que brancos, conta a Vox.

 

 

 


O estudo do Instituto de Tecnologia da Geórgia aborda a capacidade de objetos de última geração detetarem equitativamente (ou não) peões com diferentes tons de pele. O estudo levado a cabo pelos norte-americanos concluiu que os veículos autónomos serão mais eficazes a detetar peões com a pele mais clara.

O grupo de pessoas estudado foi dividido à boleia da escala Fitzpatrick, o sistema de classificação da cor de pele. Depois, os investigadores analisaram a eficácia dos modelos na deteção de indivíduos com cores de pele mais clara e mais escura. De acordo com este instituto da Geórgia, o grupo de sujeitos com pele escura foi 5% menos detetado do que o outro, com sujeitos de pele mais clara. Essa clivagem manteve-se mesmo quando foram manipuladas variantes como a claridade (altura do dia) e até a visão eventualmente obstruída.

Este estudo ainda não foi revisto por pares, alerta a Vox, pelo que deverá ser levado com as devidas reticências. Um dos problemas encontrados pelos investigadores é que não foi testado nenhum modelo de deteção de objetos usado por carros autónomos. As empresas não disponibilizam informações e dados, por isso o Instituto de Tecnologia da Geórgia recorreu a modelos usados anteriormente por académicos

E SE UM CARRO...
Nos últimos tempos têm sido feitas muitas perguntas. Estes carros são seguros? Vão melhorar o trânsito? Vão ser programados com algum pingo de moral? É que um inquérito do MIT Media Lab, desenvolvido entre 2014 e 2018, tentou conhecer as entranhas da moralidade dos indivíduos que participaram na pesquisa. Exemplo? O carro vai em direção a quatro peões que atravessam a estrada; se houver guinada no volante, salvam-se aquelas quatro pessoas mas morrem três passageiros que seguem dentro do carro. O que fazer? E se as pessoas que atravessam a estrada forem médicos? Ou mulheres grávidas? Ou crianças? Ou até uma quadrilha que acabava de assaltar a casa de uma idosa?

“É uma maneira interessante de aprender como as pessoas pensam quando são forçadas a decidir entre más opções”, escrevia a Vox. O tal estudo do MIT Media Lab contou com a participação de mais de dois milhões de pessoas em mais de 200 países.

Em dezembro, o "The Atlantic" publicou um artigo com sete razões para se torcer o nariz à "Utopia" dos carros sem condutor. O autor vai direto ao assunto: não vão funcionar enquanto os carros não forem inteligentes como os humanos. A possibilidade de serem hackeados também é um cenário dissuasor.

O autor diz ainda que este esquema não funcionará para serviços de transporte. E continua: estes veículos sem condutor não vão funcionar porque não será possível provar que são seguros.

Embora admita que este cenário até pode evoluir no futuro, o também escritor de temas de natureza tecnológicos considera que os carros serão mais assistentes de condução do que outra coisa. As emissões dispensadas pelos veículos vão piorar, alerta.

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em INTERNACIONAL


Santa Casa da Misericórdia de Lisboa dá meio milhão de euros a Moçambique
A instituição diz estar a trabalhar com a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas e com a Embaixada em Maputo para encontrar a melhor forma de efetivar essa ajuda financeira...


Iraque. Naufrágio de ferry no rio Tigre provoca quase uma centena de mortos em Mossul
Os passageiros cruzavam o rio com destino aos parques onde as famílias tradicionalmente fazem piqueniques para celebrar o Ano Novo persa. O ministro da Justiça ordenou a prisão de nove trabalhadores da empresa de ferries e impediu os proprietários ...


Síria: Inundações desalojam mais de 40 mil em campos de deslocados
Cerca de 14 campos tiveram de ser evacuados na região de Idlib, declarou à AFP o porta-voz da agência da ONU para os Assuntos Humanitários...


Guaidó perde imunidade parlamentar e será mais fácil detê-lo
Juan Guaidó reagiu ao anúncio do mesmo modo como tem reagido a outros do género e às declarações e decisões de Nicolás Maduro. Considerou a decisão “cobarde” e pediu força, união, luta, inteligência, audácia (tudo palavras dele). Estão marcados nov...

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News