Rondônia, - 15:18

 

Você está no caderno - eleições2018
registro de candidatura negado
Condenado por crimes contra o sistema financeiro nacional, Acir Gurgacz tem registro de candidatura negado pelo TRE/RO
Acir Gurgacz foi condenado criminalmente pela 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) na Ação Penal nº 935, pelo crime previsto no art. 20 da Lei nº 7.492/86, a qual define os crimes contra o sistema financeiro nacional.
Publicado Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018, às 11:37 | Fonte Seção de Comunicação Social do TRE-RO 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=353848&codDep=74" data-text="Condenado por crimes contra o sistema financeiro nacional, Acir Gurgacz tem registro de candidatura negado pelo TRE/RO

  
 
 

Divulgação

Julgamento no TRE/RO

O candidato está vedado de praticar atos de campanha com essa decisão do Tribunal, inclusive horário eleitoral no rádio e na televisão

Na tarde dessa segunda-feira (10), os membros do Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia declararam a inelegibilidade e indeferiram o registro de candidatura ao cargo de governador de Acir Marcos Gurgacz, pela coligação Juntos por Um Novo Tempo para Rondônia, por 4 votos pelo indeferimento e 2 pelo deferimento do requerimento.

 O processo está sob a relatoria do juiz membro Flávio Fraga e Silva, que em seu voto acatou a impugnação de registro de candidatura proposta pelo Ministério Público Eleitoral de Rondônia contra o candidato, negando seu pedido de registro para disputar a cadeira de titular do Governo de Rondônia.

Acir Gurgacz foi condenado criminalmente pela 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) na Ação Penal nº 935, pelo crime previsto no art. 20 da Lei nº 7.492/86, a qual define os crimes contra o sistema financeiro nacional.

O voto do relator, nos autos do Registro de Candidatura nº 0600186-26.2018.6.22.0000, pontuou que “os embargos infringentes do impugnado interposto contra o acórdão da 1ª Turma do STF não têm a potência de impedir a eficácia da causa de inelegibilidade aqui arguida contra ele, restando em seu favor apenas o pedido cautelar previsto no art. 26-C da LC nº 64/90 para suspender os efeitos da referida condenação, o que não foi feito por ele, sendo sua inelegibilidade, pois, manifesta no presente caso”.

Com esta decisão da Corte Eleitoral rondoniense, a coligação Juntos por Um Novo Tempo para Rondônia fica facultada a substituir o candidato Acir Marcos Gurgacz, no prazo de 10 (dez) dias, na forma do art. 13, §§1º a 3º, da Lei nº 9.504/1997.

Os juízes decidiram, na ocasião, que o candidato está vedado de praticar atos de campanha, inclusive utilizar o horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão. Os membros do Tribunal também determinaram a imediata retirada do nome do candidato da programação da urna eletrônica.  

Saiba mais aqui

Acir Gurgacz é condenado a 4 anos e meio de prisão pelo STF por crime contra o sistema financeiro







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em eleições2018


Veja as ações da Coordenação de Segurança das Eleições do TRE-RO em 2018
As operações de busca e apreensão em Rondônia foram denominadas “Perspicuum”, que objetivou tirar de circulação materiais com propagandas eleitorais irregulares...


TSE autoriza envio de tropas federais para 357 locais no segundo turno
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou hoje (23) o envio de tropas federais para 357 localidades a fim de garantir a segurança do segundo turno das eleições, que será realizado no próximo domingo (28)....


TRE-RO estabelece novas coordenadas para este 2° turno das Eleições 2018
As medidas objetivam fazer com que não haja dúvidas ou qualquer problema relacionado à votação no domingo (28)...


Waldez Góes é reeleito governador do Amapá
Atual governador do Amapá, Waldez Góes (PDT) acaba de conquistar, matematicamente, a reeleição. Ele tem 52,32% dos votos válidos...

 


ADS NEWS 3




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News