Rondônia, - 11:19

 

Você está no caderno - Ação Parlamentar
Lei de licitações
Marcelino Tenório critica lei de licitações e diz que poder público não deve investir em produtos sem qualidade
O deputado Marcelino Tenório (PRP), na sessão da ALE desta quarta-feira (16) falou sobre os projetos aprovados pela Assembleia Legislativa e destacou o projeto de emenda coletiva da bancada federal, orçado em R$ 150 milhões, para aquisição de tratores, caçambas, PC’s, motoniveladoras, retroescavadeiras e outros maquinários e equipamentos agrícolas.
Publicado Quarta-Feira, 16 de Maio de 2018, às 16:20 | Fonte Ale - Ascom 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=348568&codDep=53" data-text="Marcelino Tenório critica lei de licitações e diz que poder público não deve investir em produtos sem qualidade

  
 
 

 

O deputado Marcelino Tenório (PRP), na sessão da ALE desta quarta-feira (16) falou sobre os projetos aprovados pela Assembleia Legislativa e destacou o projeto de emenda coletiva da bancada federal, orçado em R$ 150 milhões, para aquisição de tratores, caçambas, PC’s, motoniveladoras, retroescavadeiras e outros maquinários e equipamentos agrícolas.

Segundo o parlamentar, as aquisições serão distribuídas nos municípios de Rondônia e atender associações de produtores rurais do Estado. Sobre isso, o deputado fez um alerta aos demais parlamentares da Casa de Leis, quanto às licitações para a compra dos respectivos maquinários agrícolas.

Para argumentar sobre o assunto, Marcelino Tenório citou a Lei nº 8666, que estabelece normas gerais sobre licitações e contratos administrativos pertinentes a obras, serviços, compras, alienações e locações no âmbito dos poderes da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios.

O deputado disse que, no seu entendimento, infelizmente, a lei de licitações, na maioria das vezes é feita para burlar todas as suas prerrogativas. O parlamentar ressaltou que não sabe para que a lei existe, se ela não é respeitada.

“Essa foi criada visando à economicidade, mas também ter eficácia no trabalho, porém, não vou muito longe e cito a nossa BR 364. O governo abre a licitação, a empresa é paga e o serviço executado, com dois meses que ela entrega começa a deteriorar e se transforma em um buraco novamente”, argumentou o deputado.

Marcelino criticou a criação de leis que não possuem eficácia. Sobre a licitação da compra dos equipamentos avaliados em R$ 150 milhões, sendo cerca de R$ 60 milhões para aquisição de, aproximadamente 400 tratores, o parlamentar fez um alerta aos prefeitos que receberão os maquinários.

“Eu faço um apelo a cada um deles que irão receber, se não forem tratores que tenham marca reconhecida no mercado agrícola, é melhor devolver para as empresas. Eu até levanto um questionamento para saber qual o produtor de Rondônia que usa trator agrícola de marca ruim. Então não entendo, porque o Poder Público, que investe dinheiro da população quer comprar porcarias”, declarou Marcelino Tenório.

O deputado defendeu que os responsáveis em realizar os pregões precisam exigir empresas que ofereçam itens de alta qualidade e capacidade e extinguir as que não apresentam tais critérios.

O deputado Lazinho da Fetagro (PT), em aparte, concordou com o pronunciamento do colega parlamentar e disse que aquisições ruins geram enormes prejuízos aos estados. “É muito trator e muita máquina para chegarem aqui e não darem conta do trabalho”, frisou Lazinho.

Marcelino agradeceu o apoio do deputado Lazinho e acrescentou que o produtor agrícola quando compra um equipamento, prioriza os de qualidade, que tenham durabilidade, não importando se custarão R$ 20 ou R$ 30 mil a mais.

“E por que dinheiro público tem que ser gasto com o que não presta, como os políticos lá em Brasília não tem o discernimento de ver isso? Comprar o que não presta para o estado brasileiro, isso é uma vergonha”, disse Marcelino Tenório que afirmou esperar que o Congresso e a Câmara Federal tenham essa percepção e mudem a lei de licitações.

 

 

ALE/RO - DECOM - Juliana Martins 
Foto: Ronaldo Afonso

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Ação Parlamentar


Voluntários da Ebserh já estão em Roraima para atender imigrantes
Um grupo de 41 voluntários médicos, enfermeiros e técnicos de laboratório ligados aos hospitais universitários federais vinculados à Rede Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) participa de hoje (27) até o próximo dia 1º de uma ação m...


Distribuidoras privatizadas hoje terão redução de tarifas, diz Aneel
Após o leilão realizado na quinta-feira (30), as distribuidoras de energia Companhia de Eletricidade do Acre (Eletroacre) e a Centrais Elétricas de Rondônia (Ceron), arrematadas em leilão pela empresa Energisa, deverão ter redução tarifária de 3,2%...


Léo Moraes apoia implantação de projeto de voluntários escolares
O deputado Léo Moraes (Podemos) se reuniu com a secretária estadual de Educação, Angélica Ayres, para discutir sobre a implantação do projeto de voluntários escolares para, de forma colaborativa, dar suporte as atividades dos alunos nas unidades da...


Alex Redano indica necessidade de reparos em escola de Ariquemes
O deputado Alex Redano (PRB) indicou ao Poder Executivo Estadual para que, através da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), sejam realizadas obras de manutenção na escola Heitor Vila Lobos, em Ariquemes....

 

ADS NEWS 2

ADS NEWS 3


:: Publicidade :::


 
 
 
 
EMRONDONIA.COM