Rondônia, - 03:13

 

Você está no caderno - CIÊNCIA E SAÚDE
Saúde
Veja os cuidados que você deve ter ao comprar ou consumir peixe
Publicado Terça-Feira, 1 de Maio de 2018, às 10:30 | Fonte Notícia ao Minuto 0

  
 
 

© paul morris / Unsplash

 

Uma das maiores preocupações na hora de consumir peixe, é com as bactérias como a salmonela, que pode provocar intoxicação alimentar e infecções intestinais.

Durante a compra do peixe, alguns cuidados básicos são necessários para garantir a higiene e o frescor do alimento. É importante perguntar, por exemplo, de onde vem a mercadoria e quando ela foi pescada.

Além disso, o vendedor pode ajudar com recomendações do que está fresco ou indicações de como substituir um peixe por outro. Outras questões, como armazenamento, limpeza e modo de preparo também são válidas.

Veja 9 cuidados que você deve ter ao comprar ou consumir peixe fora de casa:

1 - Se for comer sushi, certifique-se de que ele tenha sido congelado antes

As temperaturas negativas ajudam a matar possíveis larvas de tênia que tenham sido engolidas pelo peixe. Mas, para isso acontecer, são necessários pelo menos sete dias em temperaturas menores do que 20 graus negativos.

2 - Atenção com a origem do salmão

A maior parte desta espécie consumida aqui no Brasil não vem das águas profundas do hemisfério Norte, mas do Chile, onde são criados em cativeiro. O problema é que, nestas condições, os animais estão mais sujeitos a carregar infecções e parasitoses. E a saber: as contaminações podem ocorrer tanto em peixes de água doce quanto de água salgada.

3 - O peixe cru deve estar sempre gelado

Acima de 4 graus já há risco de contaminação de bactérias, por isso desconfie das postas exibidas em estufas, nos balcões de restaurantes, ou de sashimis servidos em temperatura quase ambiente, o que indica que ele já está fora da geladeira há algum tempo.

4 - Sempre que possível, analise o peixe inteiro

É um pouco difícil quando comemos fora, mas, ao comprar no supermercado, verifique se a pele está brilhante e íntegra. Já os olhos não podem ter manchinhas ou estarem fundos e embaçados. A carne deve ser rígida e não molenga demais.

5 - Separe utensílios exclusivos para o peixe

Isso vale para carnes em geral. Na hora de manusear, não use facas que já passaram por outros ingredientes e fuja das tábuas de madeira, que são porosas e facilitam a multiplicação de bactérias. No restaurante, verifique se o local segue essas práticas e evite as barcas de madeira, pelo mesmo motivo das tábuas.

6 - Observe o local antes de comer

Parte da contaminação pode ocorrer durante o transporte e a compra do peixe, mas na cozinha do restaurante é possível conferir se os funcionários lavam as mãos constantemente, se há uma estação exclusiva para o preparo dos sushis e como são as condições de higiene do ambiente.

7 - O congelado também exige cuidado

Se houver presença de pedaços de gelo dentro da embalagem ou os filés estiverem grudados, pode ser um sinal de que o peixe já descongelou, o que representa risco de contaminação.

8 - Evite o delivery de peixe cru

Aqui o problema é mais uma vez a temperatura. Na moto, sushi e sashimi passam tempo demais expostos a uma temperatura favorável à contaminação. O melhor é comer logo depois do preparo.

9 - O barato pode sair caro

Para que o peixe tenha um processo de produção seguro, precisa passar por diversos órgãos reguladores e controles de qualidade. Isso custa, então vale o pé atrás com rodízios ou na compra de peixes extremamente baratos em mercados ou supermercados.

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em CIÊNCIA E SAÚDE


Rondônia registra mais de 700 casos de tuberculose
De acordo com a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), Rondônia registrou mais de 700 casos da doença, ainda nesse mês de março uma campanha vai ser realizada com foco na redução do abandono ao tratamento da doença....


Judicialização na saúde sobe 130% no país em uma década
Ações cobram do SUS e de planos de saúde novos remédios, procedimentos complexos, leitos e consultas, afirma estudo...


Confira dicas para amenizar a ressaca antes, durante e depois do Carnaval
Mas para diminuir os efeitos da ressaca, a nutricionista do Prezunic, Leusimar Nunes, preparou uma lista de alimentos que ajudam a aproveitar o melhor da festa, do início ao fim. ...


Após 6 meses cirurgias no coração voltam a ser realizadas em Rondônia
As cirurgias foram retomadas em plena terça-feira de carnaval, graças a uma força-tarefa da gestão da Sesau, que se dedicou na compra e entrega dos materiais......

 




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News