Rondônia, - 00:23

 

Você está no caderno - Notícias do interior de Rondônia
momentos de fé na amazônia
Comunidade do município de Guajará-Mirim/RO mas uma vez receber a coroa do Divino Espírito Santo
A comunidade do município de Guajará-Mirim/RO mas uma vez receber a coroa do Divino Espírito Santo. A tradição ocorre há 124 anos no Vale do Guaporé/Mamoré e tem na coordenação a Irmandade do Divino. 
Publicado Quarta-Feira, 4 de Abril de 2018, às 20:09 | Fonte O Mamoré 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=346138&codDep=26" data-text="Comunidade do município de Guajará-Mirim/RO mas uma vez receber a coroa do Divino Espírito Santo

  
 
 

A comunidade do município de Guajará-Mirim/RO mas uma vez receber a coroa do Divino Espírito Santo. A tradição ocorre há 124 anos no Vale do Guaporé/Mamoré e tem na coordenação a Irmandade do Divino. 

 

Centenas de pessoas aguardavam a chegada do batelão

 O batelão estava com 12 remadores, meninos cantores, mestre violeiro, o caixeiro, como o responsável pela coroa e o capitão da embarcação, depois das 16h chegou a embarcação no Porto Oficial, seguindo até a Catedral Nossa Senhora do Seringueiro. O veículo do bombeiros conduziu a coroa e policiais militares fazia a segurança das pessoas na via pública.

 Centenas de devotos se deslocaram de suas cidades até município. “Muitos, ao verem a proximidade do batelão com seus doze remadores, entram no rio”, exclamou uma guajaramirense e devota do Divino. 

 

História

A Festa do Divino Espírito Santo no Rio Guaporé é o segundo festejo religioso mais antigo da Amazônia, superado apenas pelo Círio de Nazaré, em Belém do Pará. Ao contrário de similares que acontecem em vários estados brasileiros, no Guaporé não existe cavalhada ou luta entre “mouros” e “cristãos”, sendo o deslocamento feito todo por via fluvial.

Trazida da região de Cuiabá em 1894, a Festa do Divino visita as comunidades brasileiras e bolivianas ao longo dos rios Guaporé e Paraguá. Na década de 1930 as celebrações foram normatizadas pelo bispo Dom Francisco Xavier Rey, e a sede da Irmandade do Espírito Santo é localizada na cidade de Costa Marques.

As sedes são sempre escolhidas no ano anterior quando também são sorteados, dentre os membros da Irmandade as principais autoridades da próxima Festa, o imperador, a imperatriz e outros componentes da coordenação. Com ritos próprios e ritmos específicos, as celebrações atraem milhares de pessoas, especialmente na sede do encerramento.

O Barco do Divino leva dentro a Arca contendo a Coroa, a Bandeira, as Toalhas do altar e os livros de Ata. Após o encarregado da Coroa receber a arca, o Barco do Divino inicia sua peregrinação ao longo do rio Guaporé, por quarenta dias, até o final da Festa, colhendo óbolos entre os ribeirinhos, o Final da Festa dá-se no dia de Pentecostes.

Ao aproximar-se de cada povoação, o Barco do Divino anuncia a sua chegada através de ronqueira (artefato confeccionado em madeira com um cano de ferro por onde é introduzido a pólvora), três buzinadas em chifres de bois, e mais próximos, os remeiros entoam cânticos de chegada e fazem a “meia Lua”, em frente ao porto, que consiste em três voltas circulares com, o barco, antes de aportar. As remadas são cadenciadas e os romeiros espargem água para o alto entre uma remada e outra. O caxeiro, inicia o toque do tarol.

Fonte: O MAMORÉ







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Notícias do interior de Rondônia


Prefeitura prepara programação em comemoração aos 41 anos de Cacoal
Para celebrar os 41 anos de emancipação política, a ser comemorado no dia 26 de novembro, a Prefeitura de Cacoal preparou uma diversificada programação composta por atividades recreativas, apresentações musicais, cívicas e culturais....


Feriado prolongado para servidor municipal em Rolim de Moura
Serviços essenciais serão mantidos....


Obras para troca das adutoras devem terminar no final de dezembro
As obras que estão sendo realizadas para a troca das adutoras da Caerd em Ji-Paraná devem ser finalizadas até o final do próximo mês de dezembro, conforme o cronograma de execução da empresa Vale do Ouro LTDA que é de Minas Gerais. ...


Município notifica Consórcio sobre a coleta de lixo em Rolim de Moura
Empresa alega que veículos estão no conserto, mas que trabalhos serão normalizados no fim de semana....

 


ADS NEWS 3




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News