Rondônia, - 13:26

 

Você está no caderno - INTERNACIONAL
Internacional
Ghuta Oriental: pacientes graves devem ser retirados ainda hoje
Publicado Terça-Feira, 13 de Março de 2018, às 11:14 | Fonte Diário de Pernambuco 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=344657&codDep=24" data-text="Ghuta Oriental: pacientes graves devem ser retirados ainda hoje

  
 
 

Militares cuidam das principais fronteiras próximas ao enclave. Foto: LOUAI BESHARA / AFP


O Crescente Vermelho sírio se prepara para retirar, nesta terça-feira (13), várias pessoas com situações médicas de emergência do enclave rebelde sitiado de Ghuta Oriental - informaram diferentes fontes ouvidas pela AFP. Segundo Yasser Delwan, chefe do Bureau político do grupo Yaish al-Islam, uma das principais facções rebeldes de Ghuta, "um grupo de casos médicos críticos será evacuado nesta terça com seus acompanhantes, através da passagem de Al-Wafidin".

 

Na segunda-feira(12), Yaish al-Islam havia informado sobre um acordo negociado "por meio da ONU com a Rússia [...] para evacuar os feridos em várias etapas". O corredor de Al-Wafidin é o principal ponto de passagem entre o enclave rebelde e Damasco e se situa no nordeste de Duma, a maior cidade de Ghuta Oriental.

 

Na terça de manhã, havia ambulâncias do Crescente Vermelho sírio estacionadas na entrada da zona sob controle do governo sírio preparadas para entrar no território. "Feridos e outras pessoas em estado de saúde crítico serão evacuados hoje [terça] junto a civis", indicou uma fonte do Exército sírio, sem especificar um número.

 

"Os homens armados não estão contemplados nessas retiradas", disse a mesma fonte, referindo-se aos combatentes rebeldes.

 

Último enclave rebelde às portas de Damasco, Ghuta Oriental está sitiada desde 2013 e é alvo de uma vasta ofensiva das forças do governo sírio desde 18 de fevereiro. Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), Damasco já controla 60% do enclave. A ofensiva contra Ghuta deixou 1.185 civis mortos até o momento. Mais de mil pessoas precisam de cuidados médicos de urgência na parte rebelde de Ghuta, anunciou a ONU na segunda-feira (12).

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em INTERNACIONAL


Moção de censura derruba chefe do Governo sueco
Stefan Löfven é o primeiro chefe de Governo do país a ser afastado nestas condições. Um total de 204 deputados num plenário de 349 votaram contra a sua permanência no cargo. Löfven vai, no entanto, chefiar um Executivo interino durante as semanas o...


Venezuela. Colômbia recusa extraditar político suspeito de atentado contra Maduro
O anúncio foi feito durante uma conferência de imprensa, nos EUA, na sede das Nações Unidas. Segundo Iván Duque “seria absurdo” atender o pedido de extradição da Venezuela e entregar “uma pessoa que está a lutar pelas liberdades do seu povo”...


Há mais um cantão suíço que vai proibir o uso da burqa
Apesar de o país ter negado introduzir a medida a nível nacional, dois cantões da Suíça vão aplicar a medida, que, além de não permitir o uso da burqa, vai proibir toda e qualquer forma de tapar o rosto, mesmo em casos de manifestações...


Brexit. Afinal, Partido Trabalhista ainda admite novo referendo com opção de permanecer na UE
O ministro-sombra do Brexit reafirmou que o partido não descarta a hipótese de um referendo que poderia cancelar a saída do Reino Unido da UE, depois de o ministro-sombra das Finanças ter sugerido o contrário. O Labour esteve reunido este domingo p...

 

ADS NEWS 2

ADS NEWS 3


:: Publicidade :::


 
 
 
 
EMRONDONIA.COM