Rondônia, - 10:35

 

Você está no caderno - POLÍTICA
Política
Temer nega ter jogado a toalha pela reforma da Previdência
Publicado Sábado, 3 de Fevereiro de 2018, às 11:35 | Fonte EBC Agência Brasil 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=342137&codDep=19" data-text="Temer nega ter jogado a toalha pela reforma da Previdência

  
 
 

O presidente Michel Temer Alan Santos/PR

 

O presidente Michel Temer negou hoje (2) ter desistido da reforma da Previdência. Em entrevista ao programa RedeTV News, na noite desta sexta-feira, o presidente negou que tenha “jogado a toalha” em relação ao tema. “Eu nem peguei a toalha ainda, imagine jogá-la. Pelo contrário”, afirmou Temer. Ele ressaltou, porém, que a reforma não pode ser discutida o ano todo e que a intenção do governo é votá-la na Câmara, ao menos em primeiro turno, ainda neste mês.

Ele procurou mostrar otimismo com a contagem de votos, muito semelhante à do relator da reforma na Câmara dos Deputado Arthur Maia (PPS-BA). “Temos hoje, contabilizados, 271 votos. Faltam aí uns 30 e poucos, 40 votos. Nós estamos avançando. O presidente [da Câmara] Rodrigo Maia está ajudando muitíssimo, e estamos trabalhando quase no corpo a corpo. E quando tivermos os 308 votos, vamos colocar para votar”. disse Temer.

Eleições

O presidente também foi questionado sobre uma possível candidatura à reeleição. Ele disse que a questão será avaliada pelo seu partido, o MDB, em junho. Temer, no entanto, sugeriu a presença de um candidato para defender as ações de seu governo e criticou as inúmeras pré-candidaturas ao cargo atualmente ocupado por ele.

“Tem que ter um candidato que defenda o legado do governo. Vou ficar de olho nisso. […] O ideal seria ter um candidato com estas posições, alguém que diga: 'vou destruir tudo que o Temer fez' e outro que diga: 'vou manter e continuar o que o Temer fez'. Seria útil para o país”.

Ao ser perguntado se o tucano Geraldo Alckmin, atual governador de São Paulo, seria o representante das ações do seu governo, ele evitou responder. “Só me perguntem em junho.”

Tratado como “um brasileiro”

Temer também comentou a suspensão da sua aposentadoria dos meses de novembro e dezembro. Ele, que é servidor aposentado do estado de São Paulo, não compareceu ao órgão designado para a chamada “prova de vida”. Ou seja, mostrar que ainda está vivo e que deve continuar recebendo o benefício.

A despeito de ter seu pagamento suspenso, o presidente mostrou-se satisfeito porque foi tratado “como um brasileiro”, uma pessoa comum. “No meu caso, é evidente que diariamente pode-se ver que eu estou vivo. […] Mas a primeira coisa é que me agradou muito ser tratado como um brasileiro. Enfim, tenho que comparecer para mostrar que estou vivo. Acho que é um tratamento igualitário que engrandece as instituições.”

Edição: Nádia Franco

 







Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em POLÍTICA


Novo senador, Confúcio Moura afirma que o irá priorizar a educação em seu mandato
O novo senador de Rondônia  disse que irá fazer a política do bem, a política que o Brasil precisa, focada na educação. Segundo ele, quando assumir o mandato, pretende participar ativamente dos debates em Brasília. ...


Justiça autoriza Eduardo Azeredo, ex-presidente do PSDB preso, a votar
Ex-governador de Minas está preso há cinco meses e será escoltado até a sessão de votação sem algemas e uniforme do sistema prisional ...


Amoêdo defende fim da troca de cargos por apoio no Congresso
O candidato à Presidência pelo Novo, João Amoêdo, defendeu hoje (19) que seja feito um esforço para acabar a troca de apoio parlamentar por cargos no governo....


Temer se reúne hoje com empresários em Nova York
O presidente Michel Temer participa hoje (24) de reunião-almoço com empresários em Nova York, promovida pela Câmara de Comércio dos Estados Unidos (US Chamber of Commerce). ...

 

ADS NEWS 2

ADS NEWS 3


:: Publicidade :::



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News