Rondônia, - 08:23

 

Você está no caderno - Economia
Edital de Patrocínios 2018 do Basa
Banco da Amazônia divulga resultado do Edital de Patrocínios 2018
Um total de 119 projetos da Região Amazônica recebeu patrocínio do Banco da Amazônia em 2018. Esses projetos foram selecionados por meio dos Editais Públicos de Patrocínio 2018
Publicado Sexta-Feira, 12 de Janeiro de 2018, às 14:50 | Fonte Assessoria 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=341203&codDep=20" data-text="Banco da Amazônia divulga resultado do Edital de Patrocínios 2018

  
 
 

Um total de 119 projetos da Região Amazônica recebeu patrocínio do Banco da Amazônia em 2018. Esses projetos foram selecionados por meio dos Editais Públicos de Patrocínio 2018 e terão atuação nas áreas cultural, social, esportiva, ambiental e feiras e congressos. São mais de R$ 2 milhões que serão aplicados pela Instituição.

De acordo com o gerente de Imagem e Comunicação, Ewerton Alencar, a Instituição recebeu mais de 880 projetos para o Edital de Patrocínios, para a Chamada Pública da Lei Rouanet e para o Espaço Cultural Banco da Amazônia. Os projetos foram inscritos dentro do período estabelecido e apresentados conforme os critérios dos Editais e passaram por avaliação das equipes técnicas do Banco e de representantes da sociedade civil com notório conhecimento nos temas dos editais.

Todos os projetos serão desenvolvidos em parceria com diversos atores sociais também comprometidos com o desenvolvimento sustentável da região. Os projetos para a realização de feiras e exposições têm suas ações alinhadas com o incentivo ao desenvolvimento do agronegócio regional, ao turismo, ao micro empreendedor individual, à indústria e a micro e pequenas empresas.

Os projetos culturais, incentivados ou não por Lei Municipal, são voltados à Literatura, Eventos Culturais, Música, Audiovisual e Artes Cênicas. Já os de cunho esportivo incentivam esportes olímpicos e paralímpicos. Os da área ambiental ou de cunho educativo são sobre sustentabilidade ambiental e os da área social se propõem a ações de promoção à inclusão.

Chamada Pública para Lei Rouanet e Prêmio Banco da Amazônia de Artes Visuais 2018

A Chamada Pública para a Lei Rouanet 2018 é voltada à seleção de projetos culturais incentivados pela lei federal, com objetivo em contribuir para a melhoria do acesso à cultura regional. Neste edital, o Banco da Amazônia contempla projetos de artes cênicas (teatro, dança, performance, ópera e circo), cinema (mostras e festivais) e música, sendo priorizados àqueles que apresentarem diversidade temática, multiplicidade de linguagens e, principalmente, qualidade artística.

O “Prêmio Banco da Amazônia de Artes Visuais 2018” destina-se à seleção de projetos para exposição no Espaço Cultural do Banco da Amazônia, localizado no Edifício-sede da instituição. O Espaço Cultural, em seus 16 anos de existência, é reconhecido pela classe artística regional e nacional como apoiador de projetos de artistas consagrados, mas também como formador de novas expressões regionais que tem sua arte admirada e reconhecida. O Espaço se mantêm firme em seu propósito de mostrar a arte, da Amazônia e para a Amazônia.

Confira a relação completa dos projetos aprovado no site institucional: http://www.bancoamazonia.com.br/index.php/patrocinio.








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

ADS NEWS 5

Veja também em Economia


Veja a cotação do dólar, peso e outras moedas hoje
Confira a a cotação do dólar, peso e outras moedas hoje...


Receita cobra: o que é R$ 69 milhões para o Neymar
Multa é referente à transferência do jogador do Santos para o Barcelona, em 2013...


23% dos trabalhadores devem usar 13º salário com presentes de Natal
27% vão economizar e 17% quitar dívidas em atraso com dinheiro extra. Apenas 11% vão priorizar pagamento de impostos e tributos de início de ano. Segundo pesquisa, 44% dos consumidores brasileiros vão recorrer a bicos para comprar mais presentes de...


Um em cada quatro brasileiros vive com menos de R$ 406 por mês
Estudo do IBGE mostra que de 2016 para 2017 cresceu para 54,8 milhões no número de pessoas que vivem com menos de R$ 406 mensais. Norte e Nordeste têm o maior percentual de pobres na população. DF é a unidade da Federação mais desigual...

 


ADS NEWS 3




 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News