Rondônia, - 08:28
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - NACIONAL
Nacional
Operação combate desvios em pensões e aposentadorias de militares no Rio Grande do Sul
Publicado Segunda-Feira, 21 de Agosto de 2017, às 11:55 | Fonte Do G1 RS 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=335019&codDep=30" data-text="Operação combate desvios em pensões e aposentadorias de militares no Rio Grande do Sul

  
 
 

 

Agentes durante a operação na manhã desta segunda-feira (Foto: Divulgação/PF)

 

 

 

 

 

 

 

A Polícia Federal realizou na manhã desta segunda-feira (21) uma operação contra um esquema criminoso de fraudes em licenças e aposentadorias de militares no Rio Grande do Sul. A investigação foi realizada em parceria com a Polícia Judiciária Militar, Ministério Público Militar e Advocacia-Geral da União (AGU).

As fraudes aconteciam especialmente entre militares temporários, conforme a Polícia Federal. São cumpridos um mandado de prisão, três mandados de condução coercitiva e dois mandados de busca e apreensão nas cidades de Canoas e Novo Hamburgo, na Região Metropolitana de Porto Alegre e no Vale do Sinos.

Conforme a investigação, eram apresentados atestados médicos "ideologicamente falsos" com doenças psiquiátricas que tinham por objetivo manter militares temporários vinculados ao Exército para supostos tratamentos de saúde, e para que depois fosse obtida a reforma militar.

Em Canoas, segundo a investigação, funcionava um escritório de advocacia responsável pelas ações judiciais usadas para cometer as fraudes.

Durante as investigações, pessoas que foram diagnosticadas como incapacitadas para a atividade militar, por conta de problemas físicos ou psíquicos, foram flagradas levando uma vida normal. Em alguns casos, essas pessoas possuíam ocupações remuneradas.

Para a Polícia Federal, esse é um indicativo da fraude na obtenção das decisões judiciais para licença médica ou reforma militar.

A polícia ainda investiga o tamanho do prejuízo causado pelo esquema, que pode ter crimes como estelionato e falsidade ideológica.

 

 

 

 

 

 

Polícia do Exército durante cumprimento dos mandados judiciais (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Polícia do Exército durante cumprimento dos mandados judiciais (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em NACIONAL


1º frigorífico legal de jacaré vai ser inaugurado nesta quinta-feira (21) na região de Corumbá/MS
O Mato Grosso do Sul inaugura nesta quinta-feira (21) o primeiro frigorífico para abate de jacarés do Estado. Localizado na área do Pantanal, em uma fazenda de 154 hectares às margens da BR-262, a 30 km de Corumbá (MS)...


Polícia faz reconstituição da morte da jovem Maria Eduarda em escola no RJ
...


Segurança abrirá dados de boletins de ocorrência de mortes violentas
...


Governo mobiliza Exército e escolas contra o 'Aedes'
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE

Parceiros :::