Rondônia, - 12:56
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - Notícias do interior de Rondônia
IFRO traz nova visão para o agricultor rondoniense
IFRO traz nova visão para o agricultor rondoniense
“O Instituto tem muita admiração pelo produtor rural, porque temos como missão promover a inclusão através da educação.
Publicado Domingo, 30 de Julho de 2017, às 08:43 | Fonte da Redação 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=333601&codDep=26" data-text="IFRO traz nova visão para o agricultor rondoniense

  
 
 

Canal Rural

Nesta semana comemoram-se dois importantes protagonistas no desenvolvimento nacional: o Dia do Agricultor é comemorado nesta sexta-feira (28 de julho) e o Dia do Agricultor Familiar foi há três dias (25 de julho). No Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO) há campi voltado especialmente para a agropecuária, situados nos municípios de Ariquemes, Cacoal e Colorado do Oeste. Além de toda tecnologia produzida em todas as unidades que também atendem às necessidades do campo e da cidade.

A Diretora-Geral do Campus Colorado do Oeste, Larissa Ferraz Bedôr Jardim, afirma que quando um estudante do IFRO retorna à sua comunidade pode mudar a vivência da família. “O Instituto tem muita admiração pelo produtor rural, porque temos como missão promover a inclusão através da educação. Só assim conseguimos vencer, no Brasil e fora dele. O Campus Colorado tem cursos de graduação em Zootecnia e Engenharia Agronômica na área das agrárias, fortalecendo assim o nosso curso técnico em Agropecuária. E, nós, que já estamos em ação há muito tempo, desde a antiga escola Agrotécnica, sabemos o potencial do agricultor e o que ele faz pelo nosso Estado, que é a atual potência devido aos agricultores. Não apenas o agricultor familiar, mas também o agricultor que produz em grande escala como este que comemoramos hoje. Temos ILPF (Integração Lavoura Pecuária Floresta), a parte de cacau, de café, de hortaliças, das hortaliças PANCs (plantas alimentícias não convencionais). Tudo isso oCampus Colorado está incentivando, bem como a criação de animais de forma mais organizada e racional”, analisa a professora.

Para o Diretor-Geral do Campus Cacoal, Davys Sleman, os agricultores representam um grande aporte para todo o país, “os Institutos Federais quando nasceram, e o Campus Cacoal faz parte dessa história, preocuparam-se muito com isso. Nós temos um curso de Agropecuária e outro de Agroecologia que é vinculado especificamente para a pequena propriedade, que é a grande base que atualmente mantém o estado de Rondônia. Temos muita proximidade por meio de projetos de extensão e de pesquisa”.

Cacoal é conhecida como a “Capital do Café” e o Instituto Federal tem buscado realizar ações que contribuam no desenvolvimento dessa cultura, com fortalecimento da economia regional. “A grande preocupação que tivemos para a pequena propriedade foi o café, por isso o Campus implantou uma primeira unidade experimental de café. Uma segunda unidade está vindo com a Embrapa, para que possamos manter e levar a esses agricultores tradicionais e seus filhos, agora com alta tecnologia, com mais conhecimento, que possam aprimorar, melhorar e tornar aquela empresa considerada pequena – aquele pedaço de terra – uma empresa rentável. Para que o filho não fique na cidade, mas possa voltar para o campo, se desenvolver e manter a família, esse tem sido nosso grande objetivo”, diz o professor Davys.

Conforme demonstrado no recenseamento agropecuário, a agricultura familiar produz mais da metade dos alimentos consumidos pela população brasileira. No Campus Cacoal, 60% dos estudantes são da área rural, resultado do trabalho desenvolvido pelo IFRO na região. “Sabemos que todos esses alunos estão voltando e levando essa experiência para casa. Nas produções, vemos que estão melhorando a forma de cotejamento, de adubação, ou até a forma de plantar. Em consequência disso, estão criando as agroindústrias. É o papel do IFRO, já transformando paradigmas nesse mundo produtivo que é o mundo rural”, afirma Davys.

Em Ariquemes, o Diretor-Geral Osvino Schmidt, afirma que o Instituto busca atender aos desafios colocados pelo contexto nacional, dessa forma o enfoque dado ao jovem agricultor mudou. Se antes era esperado que ele se formasse para trocar a “roça” pela a cidade e ter uma vida melhor, atualmente a intenção é que ele estude para voltar à sua terra, com condições de produzir com tecnologia e mudar de vida. “Nós temos percebido que as circunstâncias e políticas de governo empurraram nosso agricultor para a periferia da cidade, no subemprego. São pessoas que teriam poder de retornar e produzir com potencialidade. O Curso Técnico em Agropecuária, em Alimentos e, porque não, Informática, que hoje na área rural é extremamente importante. O IFRO vem contribuindo com isso, para dignificar a vida do homem do campo”.

Segundo informações da Pró-Reitoria de Ensino (PROEN/IFRO), além dos três campi com perfil agrícola há previsão de instituir mais dois nesse segmento. “Isso significa, a um só tempo, valorizar o profissional que atua no campo, como também contribuir para que a agricultura se expanda, gerando renda para os agricultores e alimentando o Brasil. E nesta data, nós da Reitoria, elogiamos os homens e as mulheres que desbravaram e desbravam, sob sol ou chuva, o solo brasileiro e dele fazem brotar a semente que se transforma em pão e vida de todos nós”, faz a ressalva o Pró-Reitor de Ensino, Moisés José Rosa Souza.

Há ainda, segundo o professor Moisés José, todo um compromisso institucional de ofertar à sociedade a melhor formação possível no seguimento rural. Ele enfatiza que muitas vezes os agricultores das várias regiões brasileiras precisam produzir “sem tantas condições estruturais, mas com humildade e muito esforço, esses profissionais se superam na labuta roceira árdua do dia a dia”, finalizou o Pró-Reitor.

 

 

__

 

Assessoria de Comunicação e Eventos - ASCOM/IFRO

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia - Reitoria








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Notícias do interior de Rondônia


Prefeitura de Jaru convoca sorteados das casas populares
...


SEMFAZ realiza Audiência Pública para apresentação de metas alcançadas no 2º quadrimestre do ano
...


SEMFAZ realiza Audiência Pública para apresentação de metas alcançadas no 2º quadrimestre do ano
...


DETRAN/RO: COMUNICADO DE UTILIDADE PÚBLICA
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
350x90
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE