Rondônia, - 01:57

 

Você está no caderno - Ação Parlamentar
Militarização da Escola Capitão Cláudio
Reunião sobre militarização da Escola Capitão Cláudio é interrompida após incidente
Realizada no pátio da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Capitão Cláudio Manoel da Costa, bairro Cidade do Lobo, em Porto Velho, na última sexta-feira (14), a reunião para tratar sobre a militarização na unidade de ensino foi interrompida após um policial militar da Companhia de Operações Especiais (COE), por acidente, ter disparado o spray de pimenta que carregava em seu uniforme.
Publicado Segunda-Feira, 17 de Julho de 2017, às 11:26 | Fonte Ale - Ascom 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=332912&codDep=53" data-text="Reunião sobre militarização da Escola Capitão Cláudio é interrompida após incidente

  
 
 

 

Realizada no pátio da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Capitão Cláudio Manoel da Costa, bairro Cidade do Lobo, em Porto Velho, na última sexta-feira (14), a reunião para tratar sobre a militarização na unidade de ensino foi interrompida após um policial militar da Companhia de Operações Especiais (COE), por acidente, ter disparado o spray de pimenta que carregava em seu uniforme.

Iniciada às 19h, a reunião contou com a presença do deputado Jesuíno Boabaid (PMN), além da representante da Secretaria Estadual de Educação (Seduc), tenente PM Ossussi, do Colégio Tiradentes da Polícia Militar de Jaci-Paraná, e representante do Corpo de Bombeiros Militar.

Os debates foram acalorados. De um lado, pais de alunos explanavam sobre a conduta dos filhos, do outro, algumas pessoas leigas no assunto criticavam a militarização. Muitos pontos foram debatidos, mas não se chegava a um denominador comum sobre militarizar ou não.

Próximo das duas horas de reunião, um policial militar, de forma involuntária, teria apertado o gatilho do spray de pimenta que carregava em seu uniforme. Mesmo tendo sido apertado por menos de um segundo, por ser um instrumento de dispersão e alto poder ofensivo, o spray de pimenta causou incômodos em alguns presentes, que começaram a se retirar do local.

O policial militar assumiu o erro e pediu desculpas aos presentes. Não foi possível chegar ao consenso sobre a decisão de militarizar ou não a escola Capitão Cláudio. Boabaid afirmou que se reunirá com a Seduc para tratar sobre o assunto.

O deputado Jesuíno Boabaid lamentou o ocorrido. “Infelizmente não tivemos como finalizar a reunião, mas tenho a plena certeza que muitos pais são favoráveis à militarização. Houve o fato lamentável, porém involuntário por parte do militar, o que prejudicou a reunião, mas vamos debater e chegar a uma solução” concluiu.

 

 

 

ALE/RO - DECOM - Assessoria

Foto: Assessoria

 

 

 

FOTOS

 

 

 

 

 

 








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Ação Parlamentar


Léo Moraes entrega pedido de cedência do prédio da Ale para extensão do PS João Paulo II
O deputado Léo Moraes (Podemos) entregou um documento ao presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (MDB) solicitando a cedência do atual prédio da Casa de Leis para um anexo do Pronto-Socorro João Paulo II. ...


Secretário de finanças recomenda contingência de despesas aos poderes do Estado
A Comissão de Finanças, Economia, Tributação, Orçamento e Organização Administrativa, presidida pelo deputado Cleiton Roque (PSB) ouviu na tarde desta terça-feira (19) o secretário de finanças do Estado, Franco Ono, que falou sobre perda de arrecad...


Comissão debate situação do aumento da violência nas escolas da Capital
A Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, da Mulher, do Adolescente e do Idoso (Cddcmai) presidida pelo deputado Airton Gurgacz (PDT) em reunião na tarde desta terça-feira (19) analisou projetos e os parlamentares comentaram sobre a violência e...


Deputado Edson Martins participa de entrega de títulos em Cerejeiras
O deputado Edson Martins (MDB), 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa (Ale) participou na última sexta-feira (15), da entrega de mais de 200 títulos definitivos de imóveis urbanos às famílias de Cerejeiras, pelo governo estadual, através da ...

 

::: Publicidade :::


:: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM