Rondônia, - 00:45
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - NACIONAL
nacional
Greve de professores em Itagimirim termina após um mês; categoria fez acordo com prefeitura
Publicado Sexta-Feira, 14 de Julho de 2017, às 10:26 | Fonte Do G1 BA 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=332678&codDep=30" data-text="Greve de professores em Itagimirim termina após um mês; categoria fez acordo com prefeitura

  
 
 

 

Professores de Itagimirim fazem acordo com prefeitura e encerram greve (Foto: Reprodução/TV Santa Cruz)

Professores de Itagimirim fazem acordo com prefeitura e encerram greve (Foto: Reprodução/TV Santa Cruz)

 

 

 

 

 

Agreve dos professores municipais de Itagimirim, no sul da Bahia, terminou na noite de quinta-feira (13), depois de completar 30 dias. A decisão foi tomada em assembleia da categoria, após a Justiça conceder liminar favorável aos profissionais.

Cerca de 1.780 estudantes devem retornar às escolas na segunda-feira (17), quando as aulas serão retomadas, conforme a presidente Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), em Itagimirim, Gilvana Brito. No total, 119 professores aderiram à mobilização, nas sete escolas do município.

A categoria deflagrou a greve no dia 13 de junho, após a negativa da prefeitura em rever um decreto de redução do salário, que girava em torno de 20% a 25%. Na época, a prefeita de Itagimirim, Devanir Brillantino, explicou que não houve uma redução de salário, mas sim, uma readequação no plano salarial.

Em entrevista ao G1 nesta sexta-feira (14), Gilvana Brito informou que, além da concessão da liminar, foi feito um acordo entre as partes para que sejam revisados os percentuais de redução do salário dos profissionais.

"A maior parte da categoria resolveu acordar que, até o dia 31 de dezembro deste ano, o percentual será diminuído e vai haver uma reformulação do plano de carreira", explicou.

A presidente disse ainda que um novo calendário letivo será feito, para que os estudantes não sejam prejudicados pelo atraso por conta da greve. "As aulas serão repostas. A APLB tem obrigação de refazer o calendário e já estamos trabahando nisso", pontuou.

 








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em NACIONAL


Temer elogia 'eficiência' do governo antes do anúncio de aumento de tributos
...


Raquel Dodge deve ser aprovada com tranquilidade para o lugar de Janot
...


Guarda é preso por espancar ex-mulher e atirar 6 vezes contra a casa dela
...


Homem registra ocorrência policial para reclamar de traições da mulher
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
350x90
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE