Rondônia, - 21:39
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - POLÍTICA
Política
Conselho de Ética recebe pedido para reconsiderar denúncia contra senadoras
Publicado Sexta-Feira, 14 de Julho de 2017, às 10:11 | Fonte Senado Notícias 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=332673&codDep=19" data-text="Conselho de Ética recebe pedido para reconsiderar denúncia contra senadoras

  
 
 

 

Marcos Oliveira/Agência Senado

 

 

 

 

 

 

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado recebeu nesta quinta-feira (13) um pedido para que seja reconsiderada a denúncia contra as seis senadoras que ocuparam a Mesa do Plenário durante a sessão em que foi votada a reforma trabalhista (PLC 38/2017). O documento é assinado pelas senadoras denunciadas e apoiado por outros 21 senadores.

As senadoras Ângela Portela (PDT-RR), Fátima Bezerra (PT-RN), Gleisi Hoffmann (PT-PR), Lídice da Mata (PSB-BA), Regina Sousa (PT-PI) e Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) são os alvos da denúncia. O pedido de reconsideração foi  juntado à documentação da denúncia, que já foi aceita pelo presidente do Conselho de Ética, senador João Alberto Souza (PMDB-MA), e já pode ser analisada pelo plenário do órgão.

No pedido, as senadoras argumentam que a denúncia foi originalmente apresentada como uma representação, modalidade que poderia ser ajuizada apenas pela Mesa ou por um partido político – o autor da peça foi o senador José Medeiros (PSD-MT), com apoio de 14 colegas. Apenas durante o processo, argumentam as senadoras, é que a tipificação do documento mudou para denúncia – que pode ser apresentada por um único senador.

Elas também alegam que não há individualização de condutas na denúncia, o que deveria acarretar a nulidade do processo.

Quanto ao mérito, as senadoras argumentam que ocupar lugares à Mesa do Plenário é uma conduta corriqueira e legítima aos parlamentares e não deveria ser enquadrada como quebra de decoro parlamentar. Elas também observam que o presidente do Senado, Eunício Oliveira, não foi impedido de exercer suas prerrogativas, uma vez que usou um microfone para suspender a sessão e, posteriormente, para reiniciar os trabalhos.

Além disso, as senadoras acusadas lembram que, em 2009, o então senador Arthur Virgílio (PSDB-AM) ocupou a cadeira da Presidência para reivindicar a leitura de um requerimento de criação de comissão parlamentar de inquérito (CPI). Na ocasião, ele não foi denunciado ao Conselho de Ética, o que demonstra, na opinião das senadoras, que essa ação é “ato próprio da tática política no parlamento.

O pedido de reconsideração é apoiado pelos senadores Armando Monteiro (PTB-PE), Ciro Nogueira (PP-PI), Elmano Férrer (PMDB-PI), Hélio José (PMDB-DF), Humberto Costa (PT-PE), Jader Barbalho (PMDB-PA), Jorge Viana (PT-AC), José Pimentel (PT-CE), José Serra (PSDB-SP), Lindbergh Farias (PT-RJ), Lúcia Vânia (PSB-GO), Omar Aziz (PSD-AM), Otto Alencar (PSD-BA), Paulo Paim (PT-RS), Paulo Rocha (PT-PA), Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Reguffe (sem partido-DF), Roberto Requião (PMDB-PR), Telmário Mota (PTB-RR), Vicentinho Alves (PR-TO), Wellington Fagundes (PR-MT).

Ciro Nogueira e Elmano Férrer também foram signatários da denúncia contra as seis senadoras.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em POLÍTICA


MPF diz que Vaccari e Duque lavaram dinheiro 24 vezes
...


Revelação de 'plano maquiavélico para impeachment' abala credibilidade de governo, diz 'Guardian'
...


Cunha quer que PMDB decida sobre saída do governo
...


Empresariado não espera pela votação e já se mexe para emplacar propostas
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE

Parceiros :::