Rondônia, - 22:46
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - Espiritualidade e Religião
Espiritualidade e Religião
''Proibido reclamar''. A mensagem de férias do Papa Francisco
Publicado Sexta-Feira, 14 de Julho de 2017, às 09:50 | Fonte TSF Rádio Notícias 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=332666&codDep=67" data-text="''Proibido reclamar''. A mensagem de férias do Papa Francisco

  
 
 

 

Foto: REUTERS via Vatican Insider-La Stampa - Teresa Alves

 

 

 

 

 

 

Se dúvidas existem sobre o que o Papa Francisco pensa sobre as pessoas que estão sempre a queixar-se, o esclarecimento está agora bem presente num cartaz colocado na porta do apartamento papal na Residência de Santa Marta, no Vaticano.

 

 

 

 

 

 

Detalhe do cartaz

 

 

 

 

O cartaz, escrito em italiano, tem um aviso bastante explicito: um "Proibido reclamar!", escrito em letras gordas e acompanhado pelo inequívoco sinal de proibido a vermelho.

O aviso é seguido de um texto onde se pode ler: "os infratores são acometidos de um síndrome de vitimização que lhes afeta o bom humor e a capacidade de resolver problemas". E termina concluindo que "para se tornar o melhor si, [uma pessoa] deve concentrar-se no seu potencial e não nas suas limitações, deve parar de reclamar e agir para mudar a sua vida para melhor".

O chefe da Igreja Católica está atualmente de férias mas decidiu gozá-las "em casa". Como tal, tem recebido visitas de amigos e outros dignitários no seu apartamento em Santa Marta. E todos eles têm reparado no cartaz, incluindo um amigo de longa data do papa Francisco que, achando graça à situação, tratou de tirar uma foto e divulgá-la publicamente. Mas sempre com a aprovação e bom humor do papa.

Segundo o jornal italiano La Stampa, o cartaz foi oferecido ao papa Francisco pelo psicólogo, psicoterapeuta e guru de autoajuda italiano Salvo Noé, no final de uma audiência papal em junho. O chefe da Igreja Católica achou graça à oferta e respondeu que iria colocar o cartaz na porta do escritório onde recebe as pessoas.

No entanto, e como a austeridade e beleza do escritório oficial do papa (no Palácio Apostólico) não condizem muito com os dizeres do cartaz, Francisco decidiu pendurá-lo na porta do seu frugal apartamento em Santa Marta.

Como lembra o La Stampa, o chefe da Igreja Católica tem aproveitado várias ocasiões para exortar os cristãos a abandonar a atitude de constante queixume e a dar graças pela vida que têm.

A agência Reuters recorda também que, desde que foi eleito em 2013, não faltam criticas à linha orientadora do papa que tem defendido um caminho mais inclusivo e misericordioso para a Igreja Católica.

 

 








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Espiritualidade e Religião


Papa reconhece martírio de bispo assassinado na Colômbia
...


Vaticano autoriza licença de cardeal Pell para defesa de acusações de pedofilia
...


Vaticano proíbe hóstias sem glúten
...


Papa Francisco afasta Cardeal Müller e coloca jesuíta à frente da doutrina da Igreja
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
350x90
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE