Rondônia, - 06:05

 

Você está no caderno - Agronegocios / Pecuária
AGRONEGÓCIO
Apoio ao escoamento de milho é estendido a MS, GO e DF
As operações visam a sustentação do preço do milho, que vem caindo em razão do início da colheita do grão e o consequente aumento da oferta em relação à demanda. A subvenção será ofertada para o escoamento de milho das safras 2016/2017 e 2017.
Publicado Quinta-Feira, 29 de Junho de 2017, às 15:14 | Fonte da Redação 0
https://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=331823&codDep=50" data-text="Apoio ao escoamento de milho é estendido a MS, GO e DF

  
 
 

Na próxima quinta-feira (6), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realizará mais dois leilões de Prêmio para o Escoamento (PEP) e Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) para milho em grãos. A novidade é que, além de Mato Grosso, que já vinha sendo contemplado em leilões anteriores, foram incluídos os estados de Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal.

As operações visam a sustentação do preço do milho, que vem caindo em razão do início da colheita do grão e o consequente aumento da oferta em relação à demanda. A subvenção será ofertada para o escoamento de milho das safras 2016/2017 e 2017. Os detalhes destes leilões estão disponíveis nos Avisos de Nº 133/2017 (PEP) e Nº 134/2017 (Pepro).

No caso do PEP, que é voltado às indústrias, será oferecido prêmio para escoamento de 180 mil t de milho, sendo 60 mil t para Mato Grosso, 60 mil t para Mato Grosso do Sul e mais 60 mil t, distribuídas entre Goiás e Distrito Federal. Para o leilão de Pepro, voltado aos produtores, o total previsto é de 720 mil t, distribuídas da seguinte forma: 240 mil t para Mato Grosso, outros 240 mil t para Mato Grosso do Sul e mais um lote com esta mesma quantidade para Goiás e Distrito Federal.

Essas operações foram autorizadas pelo Conselho Interministerial de Estoques Públicos (Ciep) no começo de abril, por meio de portaria interministerial, com o objetivo de garantir preço ao produtor de milho e, ao mesmo tempo, incentivar o escoamento do excedente de produção para os centros consumidores. Até o momento, apenas o Mato Grosso estava sendo contemplado. Esse foi o estado em que primeiro ocorreu a queda no preço do milho e também o primeiro em que teve início a colheita da safra.

É importante ressaltar que, para participar, os interessados devem estar cadastrados na bolsa de mercadoria por meio da qual pretendam realizar a operação e também se encontrar adimplentes junto ao Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal (Cadin). Também é necessário cadastro no Sistema de Cadastro Unificado de Fornecedores (Sicaf) e no Sistema de Cadastro Nacional de Produtores Rurais (Sican).

Para mais informações, acesse os editais aqui.








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Agronegocios / Pecuária


Agricultoras iniciam plantio de 30 mil mudas em quintais produtivos em Rondônia
Mais de 200 mulheres já se cadastraram para receber o apoio, e a partir de agora passam a receber suporte técnico necessário além de participar de cursos...


Confinamento de bois é alternativa ao desmatamento e integração com a lavoura
Tecnificação vem dando ganho de 15/20 @/ha, em média, em um rebanho que pode chegar a 15 milhões de cabeças, e de 4/5 milhões de matrizes. Cruzamento também se expande. @ média hoje R$ 131/132, com recuo nos últimos dias pela oferta maior, disse Sé...


Projeto “Cultivando Cidadania” é desenvolvido em Ariquemes
O plantio de milho, abobora, maxixe, couve, entre outros itens, foi feito de forma orgânica, sem o uso de defensivos agrícolas....


Pequenas e médias agroindústrias são fortalecidas em projeto
Com apoio do Sebrae em Rondônia, empresas se preparam para oferecer produtos de qualidade...

 

::: Publicidade :::


:: Publicidade :::

 
 
 
 
EMRONDONIA.COM