Rondônia, - 12:16
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - NACIONAL
nacional
Família de Maria Eduarda vai à Comissão de Direitos Humanos da Alerj
Publicado Segunda-Feira, 3 de Abril de 2017, às 09:30 | Fonte Bom dia Rio 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=325517&codDep=30" data-text="Família de Maria Eduarda vai à Comissão de Direitos Humanos da Alerj

  
 
 

 

Amiga de Maria Eduarda se desepera durante o enterro (Foto: Matheus Rodrigues/G1)

Amiga de Maria Eduarda se desepera durante o enterro (Foto: Matheus Rodrigues/G1)

 

 

A família da menina Maria Eduarda Alves Ferreira, assassinada na quadra da escola na Fazenda Botafogo, na Zona Norte do Rio, vai ser ouvida nesta segunda-feira (3) na Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa. Ainda essa semana, os pais ela vão se reunir com o governador Luiz Fernando Pezão.

 

Maria Eduarda foi enterrada no sábado (1º). Ela tinha 13 anos e queria ser jogadora de basquete. A família vai pedir rigor nas investigações desse caso. O advogado João Tancredo, do Movimento Rio de Paz, que está apoiando a família explicou a finalidade desse encontro.

 

“A finalidade principal é que se auxilie testemunhas, que se auxilie a família na produção de investigação para que se chegue concretamente aos autores do crime”, disse o advogado, frisando que nesse caso as testemunhas são crianças que estavam dentro da escola e que necessitam de proteção.

 

O advogado disse ainda que vai entrar, nesta segunda-feira, com uma medida judicial para buscar atendimento imediato psicológico para a família, E também a cobrança de indenização;

 

“Não tenho a menor dúvida que o estado é obrigado a indenizar em decorrência desse fato. Há envolvimento de agentes públicos. Se não foram eles os autores do disparo, não importa. Tendo envolvimento de agente público o estado é responsável”, disse Tancredo.

 

A reunião com o governador, de acordo com o advogado, deve acontecer na quinta ou sexta-feira. A família também foi procurada pelo procurador-geral do Ministério Público Estadual, que pediu para marcar um encontro.

 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em NACIONAL


Por que São Paulo ainda não conseguiu despoluir o rio Tietê?
...


Camponeses enfrentam tentativa de intimidação por pistoleiros e reafirmam decisão pela retomada da Fazenda Vera Cruz
...


Centro cultural em Manaus vai abrigar nova base da Polícia Militar
...


Grupo arrecada doações para Natal de moradores de rua em Manaus
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE