Rondônia, - 13:49
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - POLÍTICA
Política
Paulo Roberto Costa se diz arrependido: “estou pagando caro”
Publicado Sábado, 18 de Março de 2017, às 10:05 | Fonte Revista Exame.com 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=323979&codDep=19" data-text="Paulo Roberto Costa se diz arrependido: “estou pagando caro”

  
 
 

 

Ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa

Paulo Roberto Costa (Ueslei Marcelino/Reuters)

 

 

São Paulo – O ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás Paulo Roberto Costa afirmou, em depoimento ontem à 9.ª Vara Federal, no Rio, que está “pagando muito caro” por seus crimes.

 

Ele falou no processo da Operação Lava Jato do qual são réus o ex-deputado federal Nelson Meurer (PP-PR) e seus filhos Nelson Meurer Jr e Cristiano Augusto Meurer, acusados de corrupção e lavagem de dinheiro.

 

“Eu infelizmente errei, e me arrependo profundamente. Estou pagando muito caro. Errei, a culpa foi minha. Eu já estava desgastado, chateado com esse negócio todo, sem suportar a pressão, que era muito forte. Muitas vezes, pensei em largar tudo. Podia ter feito, e não fiz”, disse Costa, o primeiro delator da Lava Jato.

 

Ele é acusado de desviar R$ 358 milhões de contratos da Petrobras. Condenado por corrupção, lavagem de dinheiro e pertencimento a organização criminosa, foi preso há três anos, e nos últimos quatro meses está em regime aberto.

 

Integrante então da cúpula do PP, Nelson Meurer teria recebido R$ 29,7 milhões em repasses mensais de R$ 300 mil entre 2006 e 2014. Seus filhos são acusados de terem intermediado o recebimento dos valores indevidos por funcionários do doleiro Alberto Youssef.

 

Os valores ilícitos, conforme a PGR, compravam apoio político para a manutenção de Costa na Diretoria de Abastecimento da Petrobrás.

 

As investigações mostraram que a nomeação do ex-diretor foi feita por indicação do PP, e que ele se tornou um operador do partido na estatal. “Se eu não contribuísse com a classe política, no dia seguinte me retiravam (da Petrobrás) de imediato. Ou você está dentro do jogo, ou está fora”, afirmou no depoimento.

 

Volta às ruas

 

Três anos depois de ser preso pela Operação Lava Jato, o doleiro Alberto Youssef conseguiu ontem o direito de voltar às ruas.

 

Acusado de ser o principal operador de propinas no esquema de corrupção na Petrobrás, Youssef conseguiu a progressão de regime de cumprimento de pena e pode agora deixar seu apartamento, em São Paulo, onde cumpria prisão domiciliar. O benefício decorre do acordo de colaboração premiada que fechou com a força-tarefa do Ministério Público Federal.As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em POLÍTICA


Drama dos empregados da CAERD sensibiliza Deputados Estaduais que cobram uma intermediação do Governo
“Durante um período em que a CAERD arrecadou R$ 9 milhões, a empresa pagou apenas R$ 2 milhões em salários, isso não está certo!”....


Temer vai insistir que você contribua por 40 anos por aposentadoria integral
Pela nova proposta de Reforma da Previdência, Michel Temer quer que os trabalhadores contribuam por até 40 anos......


Em reunião extraordinária, PSTU Rondônia define diretrizes para 2018
Em reunião realizada nesta quarta-feira ( 15/11) a direção estadual do PSTU - Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados em Rondônia definiu diretrizes para participação do partido no pleito eleitoral em 2018 no estado....


Deputado denuncia os péssimos serviços da Caerd em Porto Velho
O deputado Anderson do Singeperon (PV) indagou na sessão desta terça feira (21) a insatisfação de vários moradores de Porto Velho...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE

Parceiros :::