Rondônia, - 12:27

 

Você está no caderno - POLÍTICA
Política
Ministro da Justiça pede demissão onze dias depois de tomar posse
Publicado Terça-Feira, 15 de Março de 2016, às 08:38 | Fonte G1 - Bom Dia Brasil 0

 
 

 

 

 

Onze dias depois de tomar posse, o ministro da Justiça, Wellington Lima e Silva, pediu demissão. No lugar dele vai entrar o vice-procurador geral eleitoral, Eugênio Aragão.

 

O Supremo entendeu que a constituição proíbe que promotores ou procuradores tenham cargos em outros poderes - mesmo estando licenciados.

 

Wellington Silva tem 25 anos no Ministério Público e decidiu não abrir mão da carreira. O novo ministro, Eugênio Aragão, também é procurador, mas entrou no Ministério Público antes de 1988, quando a proibição foi incluída na constituição e por isso pode assumir o cargo.







Veja também em POLÍTICA


Lula cobra posição 'urgente' do Congresso contra vídeo de Bolsonaro
O presidente disparou pelo WhatsApp um pedido para que eleitores participem de manifestação contra o Congresso...


Molon pede reunião de emergência para contrapor Bolsonaro
Bolsonaro convocou manifestações contra o Congresso e a Câmara e Senado irão discutir o assunto...


Ciro cobra reação por Bolsonaro convocar eleitores para ato
O presidente disparou pelo WhatsApp um pedido para que eleitores participem de manifestação favorável ao governo...


'Há conotação política no movimento dos PMs', diz governador da Paraíba
João Azevêdo disse que bolsonaristas infiltraram-se no movimento com objetivo político-eleitoral...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News