Rondônia, - 20:35
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 

Você está no caderno - Polícia
corrupção
Secretário de Finanças afirma que suspeitas de prática de ilícitos funcionais são encaminhados ao Ministério Público
A Secretaria de Finanças do Estado (Sefin) informou na manhã de quinta-feira (14) – após reunião de avaliação do secretário Wagner Garcia de Freitas
Publicado Quinta-Feira, 14 de Maio de 2015, às 19:46 | Fonte Decom 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=295334&codDep=22" data-text="Secretário de Finanças afirma que suspeitas de prática de ilícitos funcionais são encaminhados ao Ministério Público

  
 
 

Wagner Garcia de Freitas, secretário de Finanças

A Secretaria de Finanças do Estado (Sefin) informou na manhã de quinta-feira (14) – após reunião de avaliação do secretário Wagner Garcia de Freitas e do adjunto, Franco Maegaki Ono, com assessores diretos – que a detenção de um auditor fiscal externo na operação policial Mamon deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público de Rondônia e a Polícia Civil é um caso isolado.
 
O secretário explicou que é norma da Sefin toda vez que chega à Secretaria informação sobre envolvimento de servidor público em casos de desvio de conduta, ou prática de ilícitos funcionais que envolvem servidores de carreira da Sefin os fatos são encaminhados imediatamente ao Ministério Público e à Secretaria de Segurança Pública, Defesa e Cidadania (Sesdec).
 
Nos último dois anos, de acordo com o secretário, alguns casos foram encaminhados ao Ministério Público para apuração, embora “num primeiro momento a gente fique triste com notícias de corrupção dentro do órgão, mas é algo necessário para que os maus funcionários sejam expurgados do quadro funcional”.
 
A Sefin irá solicitar informações ao Ministério Público e tão logo os detalhes sejam conhecidos, a responsabilidade será apurada e encaminhada à Procuradoria-Geral do Estado. “Eu quero frisar que o Governo do Estado não compactua com atos de desvio de conduta de servidor nenhum, seja efetivo ou não”.
 

A Sefin dispõe também de um órgão de controle interno e de inteligência que atuam em parceria com outras instituições no combate aos ilícitos e atos de corrupção na jurisdição da Secretaria de Finanças de Rondônia. 





Notícia visualizada Contador de visitasvezes




Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Veja também em Polícia


Rondônia Terra da Pistolagem: Jornalista é executado em Cacoal
Ueliton tinha 35 anos, e além de presidente do PHS, era suplente da Câmara de Vereadores em Cacoal....


JUSTIÇA FEDERAL PROÍBE EXTRAÇÃO DE OURO EM HUMAITÁ
A Procuradoria da República argumenta que a atividade garimpeira no local causa significativo impacto ambiental que ultrapassa os limites do estado do Amazonas....


PF prende ex-governador do Amazonas Jose Melo por desvios de recursos públicos na área da Saúde
A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira, 21 , o ex-governador do Amazonas Jose Melo (PROS) por suposto envolvimento em desvios de recursos público na área da Saúde....


Mulher de Beira Mar faz delação premiada e deixa a prisão em Rondônia
Jacqueline Moraes apontou imóveis de Beira Mar que estão no nome de ''laranjas''. Ela deixou a prisão na segunda-feira (18)....

 

::: Publicidade :::

a



:: Publicidade :::

 
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE