Rondônia, - 21:05

 

Você está no caderno - NACIONAL
enem 2015
Enem tem pior em redação e mais de 500 mil tiram zero
Mais de meio milhão de estudantes demonstraram que não se expressar por escrito, tiraram zero na redação do Enem. As notas no geral pioraram. Quem zerou redação não pode concorrer às 200 mil vagas em universidades públicas. Apenas 250 alunos conseguiram pontuação máxima.
Publicado Quarta-Feira, 14 de Janeiro de 2015, às 07:57 | Fonte Bom Dia Brasil 0

 
 

Foto: ilustração

''Redação'' Palmeirense

Mais de meio milhão de estudantes demonstraram que não se expressar por escrito, tiraram zero na redação do Enem. As notas no geral pioraram.
Quem tira zero na redação perde a vaga na universidade.
É, fica sem chance de entrar, pelo menos agora, nas quase 130 universidades públicas. Mais de 520 mil alunos, quase um em cada dez, tiraram zero na redação. O desempenho em matemática também ficou 7% abaixo do registrado no Enem anterior.
 
 
 
Mais de 6 milhões de estudantes fizeram o Enem no ano passado, a estudante Geovana Salomão passou a terça-feira (13) tentando saber a nota que tirou. O resultado saiu no início da noite. Ela já garantiu uma vaga na Universidade de Brasília, mas quer usar o Enem para realizar um sonho. “Vai ser a minha porta de entrada para a UFRJ, que é a que eu realmente quero”, conta.
Segundo o MEC, vários ataques de hackers ao site do Inep atrasaram a divulgação do resultado, que piorou em relação a 2013. Na média geral, as notas caíram 1%. Mas as redações preocuparam, queda de quase 10%. Mais de 500 mil estudantes tiraram zero. Em 2013, foram 106 mil. E apenas 250 conseguiram a nota máxima. No Enem anterior, quase o dobro.
As notas de matemática também caíram, 7%. A média de ciências humanas melhorou 5%, ciências da natureza e linguagens também subiram.
Quem zerou a redação não vai poder usar o Enem para concorrer a uma das 200 mil vagas oferecidas em quase 130 universidades públicas. A inscrição para o Sistema de Seleção Unificada, o Sisu, começa na segunda-feira (19).
O ministro da Educação acha que o tema da redação, publicidade infantil, tornou a prova mais difícil para os estudantes. Em 2013, o assunto era mais popular: a Lei Seca. Mas Cid Gomes reconhece que precisa melhorar a qualidade do ensino no Brasil.

“O diagnóstico frio que se faz do ensino público brasileiro é de que deixa muito a desejar. A gente tem muitos desafios. Do infantil, no fundamental e do médio, o maior desafio onde a gente tem as menores notas, a menor performance dos alunos é no ensino médio. Esse é sem dúvida o nosso maior desafio”, afirma o ministro da Educação Cid Gomes. 









Veja também em NACIONAL


Em 2018, houve 69 mil acidentes em rodovias federais, diz pesquisa
Painel CNT registrou que 14 pessoas morreram por dia ...


Em luta contra censura, Felipe Neto recebe Medalha de Mérito Lesgislativo da Câmara
Após fazer uma ação na Bienal do Rio de Janeiro contra a censura de livros com temática LGBTQI+, o empresário, youtuber e escritor Felipe......


Bolsonaro anuncia sanção de lei que garante às mães direito de amamentar em provas de concursos
Uma das primeira providências tomadas pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, na volta ao trabalho, após mais uma cirurgia,.....


Morre 13ª vítima de incêndio em hospital no Rio
Morreu na madrugada de hoje (17) mais uma vítima do incêndio ocorrido na quinta-feira (12) no Hospital Badim, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro...

 



 
 
 
 
EMRONDONIA.COM

Tereré News