Rondônia, - 02:57
Últimas Política Amazônia Ciência e Saúde Agronegócios Capital Interior
Tecnologia Religião Artigos Fotojornalismo Nacional Anuncie Fale Conosco
   

 








Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Você está no caderno - Geral
ARIQUEMES: Ministério Público de Rondônia firma TAC para normalizar serviços de hemodiálise
Publicado Segunda-Feira, 30 de Julho de 2012, às 10:05 | Fonte MP-RO 0
http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=272733&codDep=31" data-text="ARIQUEMES: Ministério Público de Rondônia firma TAC para normalizar serviços de hemodiálise

  
 
 

ARIQUEMES: Ministério Público de Rondônia firma TAC para normalizar serviços de hemodiálise

O Ministério Público de Rondônia firmou termo de ajustamento de conduta com a Secretaria de Estado da Saúde, Prefeitura de Ariquemes, Agência de Vigilância Sanitária (Agevisa) e Centro Nefrológico de Ariquemes para normalizar os serviços de hemodiálise no município.

O termo, proposto pelo Promotor de Justiça Elias Chaquian Filho, estabelece um prazo de 100 dias para tomada de medidas que melhorem o atendimento dos pacientes com necessidade de hemodiálise. Nos primeiros 10 dias, deverá ser apresentado o contrato de locação do novo imóvel onde funcionarão os serviços de nefrologia, bem como o cronograma físico da obra. A cada 15 dias, deverá ser apresentado relatório atual de execução da obra, inclusive com fotos. O novo local deverá ser adequado nos termos propostos pela Agevisa e Anvisa, bem como todas as normas regulamentares que regem o serviço.

A Secretaria Municipal de Saúde, a Agevisa, assessorada por técnico da Secretaria de Estado de Saúde, e o Ministério Público ficarão responsáveis pela fiscalização da obra. Em caso de não cumprimento do TAC, será aplicada multa de R$ 1 mil por dia de descumprimento, com valores corrigidos nos moldes de atualização dos débitos judiciais. O valor da multa será revertido para o Fundo Estadual de Saúde, Fundo Estadual de Vigilância Sanitária ou qualquer outro destinado à reconstituição de bens lesados.

 

 

 

 Fábia Assumpção MTE/372/AL

Veja também em Geral


Projeto sobre crimes na internet é “censura”, diz Lula
...


Rede Ricardo Eletro é condenada por conduta homofóbica de gerente
...


CÉUS DE RONDÔNIA: Porto Velho poderá ser sede do governo Federal
...


Em Jí-Paraná, garota de 16 anos dá à luz na porta de hospital
...

 

::: Publicidade :::



:: Publicidade :::

 
728x90 350x90
 
 
  EMRONDONIA.COM
FALE CONOSCO  |  ANUNCIE  |  EQUIPE  |  MIDIA KIT   |  POLÍTICA DE PRIVACIDADE