Lula no Acre: cachaça, uísque e encontro com Evo Morales foi a agenda do ex-presidente
O cardápio do jantar petista foi regado a peixe e carneiro, além de uísque e uma boa cachaça mineira ao companheiro Lula.
Publicado Sexta-Feira, 8 de Maio de 2015, às 08:12 | da Redação

 

Depois de ter chegado cansado a Rio Branco, por volta das 17h30 desta quarta-feira, 06, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi direto para o hotel Best Western, na avenida Ceará, onde está hospedado.
 
Após um breve repouso no hotel, o petista participou de um jantar oferecido a ele na mansão do governador Sebastião Viana, na chácara Ipê. Do jantar participaram deputados, entre eles o presidente da Assembleia Legislativa, o petista Ney Amorim, membros da família Viana e amigos próximos ao governador.
 
O cardápio do jantar petista foi regado a peixe e carneiro, além de uísque e uma boa cachaça mineira ao companheiro Lula. Uma fonte que esteve no lugar informou que durante um bom tempo, Lula e Sebastião Viana permaneceram na varanda da casa tomando uísque, conversando, sem música e sem muitas autoridades.
 
O papo entre ambos se resumiu ao atual contexto vivido pelo governo da presidente Dilma, comentários sobre a festa feita no call center e o contexto político no Brasil e no Acre. Feliz da vida por ser avô, Sebastião aproveitou para apresentar o seu neto Davi ao ex-presidente Lula. Davi é filho de Marihá Viana, a filha mais velha de Sebastião Viana.
 
Hoje, Lula participa junto com Evo Morales de um evento no Complexo do Peixe, na BR-364.
 

Fonte:Ac24horas