Exportadores pedem melhorias nas operações portuárias em Rondônia
Uma comitiva formada por empresários do transporte de cargas e exportações apresentou, durante audiência com o governador Confúcio Moura, no Palácio Getúlio Vargas
Publicado Terça-Feira, 5 de Maio de 2015, às 15:56 | Nonato Cruz Fotos: Bruno Corsino

 

Audiência ocorreu no Palácio Getúlio Vargas

Audiência ocorreu no Palácio Getúlio Vargas

Uma comitiva formada por empresários do transporte de cargas e exportações apresentou, durante audiência com o governador Confúcio Moura, no Palácio Getúlio Vargas demandas para que os negócios no setor sejam ampliados. Como resposta, o grupo foi informado que o estado adotará todas as medidas para que as operações sejam ampliadas.
 
Em comum, o setor questiona melhorias no desembaraçamento alfandegário, que ocorre fora do estado em razão de entraves burocráticos. Também foram pedidas soluções para reduzir o custo das operações portuárias. A missão está, neste momento, prospectando para empreender a ampliação dos negócios na região.
 
O diretor-técnico do Conselho do Desenvolvimento do estado de Rondônia (Conder), Rubens Nascimento, pediu o detalhamento das reivindicações e recebeu, do governador, a tarefa de promover a busca pela solução dos problemas.
 
Confúcio disse aos empresários que Rondônia vai ampliar o comércio de madeira certificada e explicou que o transporte é fundamental para que os negócios se concretizem. Ele assegurou que o estado dará todo apoio para que os empreendimentos sejam bem sucedidos.
 
Os empreendedores foram convidados para participar da Feira Rondônia Rural Show, que acontecerá de 27 a 30 de maio em Ji-Paraná. Os empresários informaram que têm interesse em participar do evento.
 

Participaram da audiência o secretário estadual do Desenvolvimento Ambiental, coronel Vilson Sales, o secretário chefe da Casa Civil Emerson Castro, o professor Edgar Menezes, que representou o senador Valdir Raupp, e os empresários Márcio Assis, Raphael Liberato e Alex Gouw, da CMA/CGM, multinacional da área de transportes, Fábio Waldrigues, da International Forest; Dario Lopes, da BDX Florestas e Jonas Perut, da Madeflona.