Receita Federal arrecada R$ 1 bilhão em impostos no Amazonas em março
Valor representa uma queda real de 4,03% em relação ao mesmo período do ano passado.
Publicado Terça-Feira, 28 de Abril de 2015, às 09:40 | Com informações de assessoria / portal@d24am.com

 

Alfândega de Manaus teve contribuição menor em março deste ano na arrecadação da Região Norte na Receita Federal. Foto: Evandro Seixas/Acervo-DA

Alfândega de Manaus teve contribuição menor em março deste ano na arrecadação da Região Norte na Receita Federal. Foto: Evandro Seixas/Acervo-DA

Manaus – O faturamento da Receita Federal no Amazonas com arrecadação de impostos e tributos atingiu a marca de R$ 1,098 bilhão em março de 2015. Valor representa uma queda real de 4,03% em relação ao mesmo período do ano passado.
 
Em relação à participação na 2ª Região Fiscal, composta por todos os estado do Norte, exceto Tocantins, o Amazonas foi responsável por 47,59% de toda a arrecadação de março, que foi de R$ 2.512.895.478 bilhões. No mesmo período do ano passado a participação foi de 49,51%.
 
Em  março  deste  ano contribuíram positivamente para a arrecadação o IRPF, com  alta  de 14,08%; o IRPJ, que apresentou pequeno aumento de 0,15%, e as Contribuições Previdenciárias, cujo aumento foi de 5,68%.
 

Contribuíram negativamente para o resultado a COFINS, cuja arrecadação de R$  269,3  milhões  em  2015  foi  16,66%  menor  que  os  R$  323,1 milhões arrecadados  em  março  de  2014.  O  mesmo  se  deu  com  o PIS/PASEP, com arrecadação  12,91%  menor e a CSLL com encolhimento de 11,30% em relação à março de 2014.